Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Eva Veigas

Medicina para a Alma

Eva Veigas

Medicina para a Alma

De 1 a 7 e de 22 a 30 Setembro - Regente 17:8

semana 6 set 2015.jpg

 

 

Semanas Numerológicas – Setembro 2015

  

De 1 a 7 e de 22 a 30 Setembro - Regente 17:8

 

Estes dois períodos de Setembro são igualmente regidos pelo Número 17:8. Foi a este propósito que na análise numerológica deste mês, me referi ao regresso das triangulações do 8.

Assim, temos dois períodos influenciados pelo 8, dentro do mês que é regido pelo 8, que por seu turno se encontra inserido dentro de um ano regido também pelo poderoso 8.

Sempre que estes três 8 entram em ação, gera-se um movimento perfeito para nos dar a possibilidade de dar forma (tornando-a visível) à substância de que são feitos os sonhos.

É preciso saber aproveitar estes vórtices que só ocorrerão novamente daqui por muitos anos. E é claro, é preciso levar em consideração que os momentos não se repetem – não há um único segundo igual ao outro, portanto, mesmo a repetirmos este padrão, nós já não seremos os mesmos, com toda a certeza.

A oportunidade está presente aqui e agora. Só precisamos de a agarrar.

Se queremos de facto manifestar e fazer acontecer, temos que partir para uma ação firme. É preciso querer entrar nesta energia de resolução, onde a verdadeira solução está dentro de nós. Temos que ser nós a querer dar o primeiro passo em direção à nossa vontade e desejo de ser feliz.

Temos que querer libertar-nos dos pesos que acumulámos ao longo de décadas. Temos que querer mesmo perdoar os outros, para seguir em frente com a nossa vida, temos que desejar com toda a força alcançar essa serenidade interior, temos que querer ser pacíficos, aplicando-nos a cada dia. Ser manso e humilde de coração não significa ser escarvo ou subserviente, significa que estamos aptos a crescer e que temos a consciência plena e clara que cada experiência de vida tem algo para nos ensinar, que cada pessoa nos deixa algo de si e com a sua visão do mundo podemos aprender, quanto mais não seja a dizer que não queremos ser como ela (é a chamada aprendizagem pela “negativa”). Ser humilde é aproveitar cada momento para crescer e celebrar a vida a cada segundo nesta existência terrena.

Se continuarmos à espera que sejam os outros a mudar estaremos apenas a limitar a nossa existência e a impedir o nosso próprio crescimento. Seremos nós, e sempre nós, os responsáveis pelas nossas decisões ou indecisões, pelas nossas escolhas e pelas nossas hesitações, pelos nossos sucessos e pelos nossos fracassos.

Se já sabemos tudo isso, por que esperamos?

Se já lemos mil livros de auto ajuda, se já nos inscrevemos em todo o tipo de cursos, workshops, palestras, etc. sobre a dita Nova Era e a nossa vida não muda é porque de facto continuamos à espera que a resolução para os nossos problemas chegue de fora e que algum Anjo nos apareça e nos salve ou que algum extraterrestre nos leve a passear na sua nave e nos mostre as maravilhas que existem por esses universos fora… É porque continuamos à espera de ser salvos pelos príncipes encantados nas suas alvas montadas. É porque continuamos a depositar esperança no regresso de Dom Sebastião. É porque continuamos a querer fugir das experiências que não gostamos e no nosso íntimo ansiamos por uma varinha de condão que as fizesse desaparecer por magia.

Basta!

É tempo de arregaçar as mangas e olhar para dentro de nós avaliando os nossos pensamentos, a nossa lógica (tantas vezes tão ilógica), os nossos comportamentos, atitudes, palavras, etc.

Sempre que ativarmos a nossa coragem (e acreditem que é necessária uma grande dose de coragem para enfrentar as nossas próprias sombras) estaremos a sintonizar-nos com a coragem manifestada e exortada pelo 8.

É tempo de reconhecer que a mudança começa dentro de nós, devagar, um passo a seguir ao outro, pequeno mas firme.

Então, por que esperas?

Eva Veigas

foto do autor

Contactos

Email: evaveigas@sapo.pt

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

  •  
  • Exercícios e Orações

    Numerologia: 2018

    Numerologia

    Significado dos Dias de Nascimento

    Runas

    Tarot

    Videos

    Cursos / Ws Realizados

    PARTICIPAÇÕES ESPECIAIS:

    •  
    •  

    Entrevistas

    Parcerias

    Sapo Astral Vídeos

    Sapo Desporto

    Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2008
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2007
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2006
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D