Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Eva Veigas

Medicina para a Alma

Eva Veigas

Medicina para a Alma

Ano Pessoal 8 em 2018

ap818.jpg

 



O Ano Pessoal 8 em 2018 resulta da redução dos Números 17 ou 26. Portanto, quem está num ano Pessoal 8 receberá influência de um destes Números conforme a data do seu nascimento.

Em ambos os casos trata-se de um ano de intensa expansão ou de forte contração, dependendo do tipo de aprendizagem que se fará através do 8. Na prática significa que poderemos viver um ano onde tudo aumenta, tudo se amplifica, tudo parece muito maior, mais intenso e forte do que é na realidade, ou pelo contrário tudo diminuirá, encolherá ou parecerá muito mais pequeno e menos importante do que na realidade é. É preciso ser muito cauteloso ao longo de um ano 8, qualquer que ele seja, porém este em particular, por causa do trânsito numerológico com o ano universal que é 11.

O 8 é o Número da realização e da concretização dos desejos no mundo das formas, ou seja, dá-nos a possibilidade e a oportunidade de os tornarmos reais, palpáveis, na fisicalidade, dado que se trata de um Número Material, um Número regido pelo Elemento Terra.
O 8 é um estratega, um planificador, um enlaçador de mundos, um poderoso centro de forças cósmicas, capaz de criar desde a mais simples, à mais complexa e intricada obra que um indivíduo possa conceber, emprestando ao seu portador, competências e habilidades específicas, precisamente nestes níveis. 

A lição ou aprendizagem do 8 está relacionada com a autoridade, o dinheiro, os negócios, o poder, a fama, o controlo sobre a vida, as experiências e os outros. Esta lição levanta questões de fundo entre as quais destaco as seguintes:

Como me relaciono com o dinheiro e com os bens materiais de uma forma geral? 
Sou um esbanjador quando tenho dinheiro e posses? 
Sou demasiado agarrado ao dinheiro e às riquezas ou aos meus bens materiais? 
Flutuo entre as duas situações?
Como me posiciono perante as pessoas que representam a autoridade?
Sou excessivamente servil? 
Enfrento essas pessoas e situações com medo de estar a cometer alguma infração e faço tudo o que me dizem sem questionar? 
Enfrento essas pessoas sem medo, exagero na confrontação e vejo-me às voltas com a justiça, por causa de uma atitude de insubordinação?
Se eu for um representante ou agente da autoridade como me posiciono ante os outros? Escudo-me atrás desse poder? 
Dou demasiada confiança e não honro o poder que me foi confiado? 
Tenho medo de perder a minha autoridade?
Tenho medo das luzes da ribalta e fujo, ainda que inconscientemente do sucesso, do êxito e da fama ou busco tudo isto incessantemente e sem olhar a meios?

17/8 – Um ano que pede amadurecimento e silêncio, pois a obra (o projeto, a relação, o negócio, etc.) que está a ser construída (ou planificada) envolve grande responsabilidade. Nada deve ser deixado ao acaso e tudo segue um plano e uma ordem pré-estabelecida, a qual deverá ser respeitada e honrada.
É um ano exigente, que acima de tudo não deixará aos seus nativos, muito espaço para divertimentos e lazer. Por isso há que cuidar muito bem da saúde e respeitar as horas de descanso.
Haverá espaço para muitos momentos eureka, pois muitas revelações internas tenderão a ocorrer sob a forte influência do laço cósmico, dado que a mente estará preparada para receber e apreender muitas perceções subtis que sob outras influências numerológicas não seriam tão impactantes. Por todas estas razões, trata-se no fundo, de um ano regenerador, restaurador, reparador, onde o sentido de empreendedorismo impera e onde o desânimo não encontra terreno para proliferar.

É importante permitirmo-nos ser guiados pela nossa intuição que deve andar de mãos dadas com a nossa poderosa mente e com a nossa capacidade de agir, para inovar e crescer, para conceber uma ideia com o intuito de a materializar no mundo físico.

26/8 – Um ano que implica um olhar sobre os outros, sobre o efeito das nossas escolhas que sempre recai não só no nosso pequeno mundo, mas também na vida de quem nos rodeia. 
Um olhar mais atento sobre as nossas relações, implica questionarmo-nos acerca do que esperamos dos outros e obviamente do que os outros esperam de nós.

O mundo das expectativas, é um mundo perigoso que cria vínculos pesados entre as pessoas e que acarreta mil e um compromissos, a maioria dos quais, como se sabe, impossíveis de cumprir. Os relacionamentos esgotam-se pela agitação provocada pelo 8 que tende a amplificar e a aumentar tudo o que está sob o seu domínio, pelo seu próprio movimento continuado e infinito. 
Cuidado pois, ao olhar para as suas relações e para as situações que está a viver, pois aos seus olhos elas parecerão muito empoladas e excessivamente exacerbadas.

É um ano para assumir uma posição, para nos tornarmos responsáveis pelo que somos, pelo que fazemos, pelo que dizemos e pelo contributo que queremos dar ao mundo.

Falemos agora dos pontos-chave deste ano pessoal 8.

O ponto forte deste ano pessoal é regido pelo Número 1, o que coloca em evidência a capacidade para ir à luta, não baixando os braços, não permitindo que nada nos afaste do nosso caminho interior, o qual haveremos de percorrer com os nossos próprios pés, movidos pelo nosso coração, guiados pelo nosso Espírito.

O 1, como ponto forte, suporta, apoia, ativa e alimenta todas as iniciativas que queiramos empreender, não fosse o próprio 1 o Número daqueles que se ocupam de abrir e percorrer caminhos completamente novos e inexplorados, originais e inovadores. O 1 é sinónimo de versatilidade e ousadia, de pioneirismo e de uma habilidade especial para ultrapassar qualquer fronteira ou limitação.

Entretanto, o ponto fraco deste ano pessoal é regido pelo Número 3, o que implica que nos iremos confrontar com um cenário onde a distração poderá imperar. O ano é rico em oportunidades e pode apontar caminhos muito diferentes, os quais, certamente nos parecerão mais apelativos pela sua variedade, por serem diferentes, por serem mais fáceis, etc. 

Contudo teremos que permanecer na firme disposição interna de não abdicar do nosso propósito inicial, ou não conseguiremos acompanhar as rápidas frequências deste ano pessoal 8.
Evidentemente, isto significa que ao não acompanharmos o ritmo do ano, poderemos não nos aperceber da quantidade incrível de oportunidades que este 8 apresenta, o que, com toda a certeza, nos devolverá, lá mais para o final do ano de 2018, uma forte insatisfação, acompanhada de uma enorme frustração, por não termos sido capazes de ser firmes, determinados e persistentes.

 

Eva Veigas

Comentar:

Notificações de respostas serão enviadas por e-mail.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Eva Veigas

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

  •  
  • Exercícios e Orações

    Numerologia: 2018

    Numerologia

    Significado dos Dias de Nascimento

    Runas

    Tarot

    Videos

    Cursos / Ws Realizados

    PARTICIPAÇÕES ESPECIAIS:

    •  
    •  

    Entrevistas

    Parcerias

    Sapo Astral Vídeos

    Sapo Desporto

    Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2008
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2007
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2006
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D