Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Numerologia e Tarot: A Assinatura da Alma

by Eva Veigas

Numerologia e Tarot: A Assinatura da Alma

by Eva Veigas

25
Jun18

25/6/2018

Eva Veigas

lobo1.jpg

 



O momento é de introspecção depois de um fim-de-semana extraordinariamente agitado, devido à conjuntura numerológica do momento presente.

No passado Sábado, sob o olhar atento do Número Mestre 22 abriu-se mais um portal energético, o qual irá permitir um reposicionamento, relativamente a quatro grandes temas absolutamente desafiantes para muitos humanos:

1º) Confronto interno – estamos mais conscientes acerca da nossa divisão interna. Vemos mais luz porque também vemos mais sombra. Aliás, quanto mais luz ancoramos, mais aspectos sombra vão surgindo por detrás dos véus que vão caindo em maior número e mais rapidamente.

Perante esta nova realidade interna surgem outros desafios, de um calibre diferente. Já não adianta fingir que não se vê, mas ainda é complicado lidar com esta nova versão de nós mesmos. Ainda é difícil aceitar o que somos e quem somos. Ainda é estranho aceitar que somos ambos: luz e sombra. 

Ainda não compreendemos bem para onde estamos a caminhar e em quê ou quem nos iremos tornar.
A ideia é não desistir. Não abrir mão de tudo o que conquistámos até aqui. Esta conjuntura numerológica e não só, pois ela é muitíssimo apoiada pela astrologia e por outras ciências e conhecimentos ancestrais, pede-nos calma e serenidade o que nos leva a um outro desafio deste portal.

2º) Falta de confiança – manifesta-se uma imensa dificuldade para confiar em nós mesmos, na nossa intuição, nos nossos instintos e no nosso poder interno. 

As nossas capacidades, qualidades e características únicas não são reconhecidas por nós, o que nos coloca numa posição complicada, difícil, onde aguardamos ansiosamente por uma solução exterior e miraculosa que nos salve de nós mesmos.

É tempo de observar internamente este movimento e parar para avaliar que emoções estão a bloquear e a comprometer as nossas mais elevadas aspirações.

Observar e não julgar! É tempo de largar a espada que constantemente está apontada na nossa direcção.

3º) Falta de compromisso interno – Facilmente nos descomprometemos e desresponsabilizamos da parte que nos cabe – aquela parte em que somos nós a contribuir para o bem comum. 

Queremos receber, cobramos aos outros, aquilo que não somos ainda capazes de dar, mas não somos capazes de contribuir com um pedacinho de amor, de compreensão, de compaixão, de elevação para melhorar um pouco a vida de alguém. 

Levar a vida de forma leve não é a mesma coisa que levar a vida de forma descomprometida e irresponsável. 

4º) Incapacidade de se manter no aqui e agora – A maioria de nós vive no passado, ou no futuro. Viver num ou noutro momento exige um desgaste de energia enorme, energia essa que nos faria falta para estar em total Presença, a cada “Aqui e Agora”, para criar, para trabalhar, para meditar, para estudar, para enviar energia de cura para nós mesmos, para os outros, para o planeta, etc.

No Domingo, o dia foi regido pelo Número 5 que não raro implica grandes transformações, mudanças e energia fortemente tensa.

A incerteza e o medo deram lugar a uma série de resistências que apenas nos afastam mais e mais do nosso centro. Seria bom termos a capacidade e a suficiente flexibilidade interna para nos podermos acercar mais de nós mesmo, de forma gentil, suave e serena, a fim de podermos aceder a um patamar mais elevado em relação à nossa própria perspectiva das coisas e dos acontecimentos.

Hoje, e após estas conturbações internas que têm obviamente a sua contraparte externa, assistimos a uma necessidade de atravessar mais uma camada interna que nos leve ainda mais para perto de nós.

Esta caminhada pede silêncio, interioridade, calma, serenidade, distanciamento emocional e ancoramento numa energia amorosa, onde a mansidão e a humildade se encontram inevitavelmente unidas.

O maior desafio de hoje está em conseguir manter os pés no chão, ficar e permanecer totalmente presente, independentemente da situação que se esteja a experimentar, pois a tendência é abandonar o barco, saltando borda fora. A capacidade (ou falta dela) de lidar com a pressão irá ditar o tom deste momento. 

O convite à transformação de situações caóticas, nomeadamente no que se refere a questões familiares é muitíssimo evidente. Cada um saberá se está apto e capaz de transformar dentro a dificuldade que vê fora.

O contínuo desafio de aliar a materialidade à espiritualidade está presente, e traz muitas situações e experiências para que cada um possa continuar a desbravar caminho nessa direcção. 

O material sem o espiritual não tem sustentação energética e por isso tudo o que for criado nessa energia irá, mais tarde ou mais cedo, certamente, perecer, desmantelar-se, dissolver-se, esfumar-se.

Eva Veigas

Mais sobre mim

foto do autor

Contactos

Email: evaveigas@sapo.pt

Follow me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Links

  •  
  • Exercícios e Orações

    Numerologia: 2018

    Numerologia

    Significado dos Dias de Nascimento

    Runas

    Tarot

    Videos

    Cursos / Ws Realizados

    PARTICIPAÇÕES ESPECIAIS:

    •  
    •  

    Entrevistas

    Parcerias

    Sapo Astral Vídeos

    Sapo Desporto

    Arquivo

      1. 2018
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2017
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2016
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2015
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2014
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2013
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2012
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2011
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2010
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2009
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2008
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2007
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2006
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D