Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Numerologia Arcana

by Eva Wolf Heart

Numerologia Arcana

by Eva Wolf Heart

Data em análise - 15/10/2021

Eva Veigas, 15.10.21

15_10_21.jpg

 

15/10/2021

 

A vida exige que façamos escolhas a cada momento. Umas mais simples e fáceis de decidir; outras de uma complexidade tal, que nos exigem um dispêndio brutal de energia: exigem um cuidado especial, pois requerem mais tempo e atenção, fazendo-nos reflectir intensamente. Nesse movimento tão interno, passamos pelas mais variadas sensações. Vamos da indecisão à decisão, voltamos para um patamar de hesitação, onde, novamente, colocamos tudo em causa, incluindo nós mesmos (e quem não o faz, terá consequências menos agradáveis, pois exclui-se da situação, como se não estivesse em si mesmo, a causa e a solução do desafio gerado) para novamente começar a ver com clareza e logo em seguida, regressar à dúvida e à incerteza, e assim sucessivamente, até tomarmos a tal decisão definitiva.

Ora, este processo que pode durar horas ou semanas, também pode durar meses a fio ou anos, ou mesmos arrastar-se de uma vida para outra. Sim, há decisões e escolhas pendentes de vidas anteriores e é de certa forma fácil de descobrir quais são quando olhamos para a nossa vida actual.

Hoje é um dia adequado para se reflectir acerca daquilo que se tem vindo a escolher de forma consciente, atentando nos frutos dessas mesmas escolhas. Se elas têm estado a servir o nosso propósito maior, então, deveremos fazer tudo o que estiver ao nosso alcance para perseverar nesse caminho. Porém, se pelo contrário, as nossas escolhas foram feitas com base nas decisões e indicações de terceiros, pode ser que não estejamos a viver a nossa verdadeira vida, mas apenas um eco dela. A nossa vida é muitas vezes apenas uma amostra daquilo que sonhámos para nós, e como estamos tão dentro dos nossos próprios casulos é-nos muito difícil compreender e aceitar que assim é.

É por isso que com o tempo, nos deveremos tornar maleáveis, flexíveis, vulneráveis, para que nos possamos dar a conhecer a nós mesmos e aos outros. Sendo que, o papel dos “outros” é tão somente reflectir, como numa superfície espelhada, aquilo que em nós não vibra ainda na condição desejada. E, a partir dessa constatação, tudo deveremos fazer para criá-la, e bem assim, passar a viver a partir de um novo nível de consciência. É também por essa razão que não adianta zangarmo-nos com as outras pessoas, porque se não for a pessoa “a”, há-de ser a pessoa “b” a reflectir a nossa dor, a nossa impaciência, o nosso orgulho, a nossa vaidade, etc.

Então, manter a nossa integridade, também implica parar de nos sentirmos permanentemente atacados e estar sempre à defensiva; implica parar com esse desejo de vingança e perpetuar a velha máxima que diz que “cá se fazem cá se pagam”.

O importante é manter a serenidade e a constância internas. Claro que isso requer uma certa habilidade e muita prática diária. Felizmente temos à disposição, durante 24h, muitas pessoas e situações para nos podermos exercitar à vontade, entrando para isso em modo de observação interna.

Observando internamente toda e qualquer reação a todo e qualquer movimento que venha do exterior, poderemos retirar muitas informações que nos levam a compreender o que estamos a sentir ou a sentir o que estamos a compreender.

Este é um processo muito criativo que mostra a real sinergia entre os nossos vários corpos ou campos, como por exemplo a forma como a mente e as emoções interagem e se entreajudam, quando as nossas partes mais egocêntricas e ego centradas não se intrometem no processo. Quando apenas nos permitimos observar e assistir a tudo, tal como um espectador que assiste a um qualquer espetáculo na bancada. Ele vê, observa, escuta, constata, gosta ou não, sente mil e uma emoções, tem mil e um pensamentos, mas não pode interferir no rumo dos acontecimentos.

Ou seja, nós teremos que aprender a observar, sem nos deixarmos dominar nem pela mente entorpecida, nem pelo turbilhão de emoções e pensamentos, nem pelo ego e pelas suas vaidades, nem por nada que possa impedir que o processo interno e a respectiva transformação interior do ser, ocorram.

Importa ainda esclarecer, que há certos desafios e certas fluências todos os dias e a todas as horas, e os de hoje centram-se, por um lado, num certo nervosismo interior, num perfeccionismo exagerado e numa falta de força e afirmação interiores, que podem resultar num dia pesado ou complicado, para alguns de nós; e por outro lado, do lado das fluências, surge energia suficiente para ir para um lugar tranquilo (pelo menos internamente; se for possível estar algum tempo na natureza, tanto melhor) onde poderemos buscar alguma tranquilidade e sentir tudo com mais profundidade, onde poderemos captar a quintessência do dia; teremos também, ainda a nosso favor, frequências  harmónicas (polos que se atraem, ou seja, há espaço, hoje, para a resolução de alguns opostos/conflitos - o que obviamente resulta em bem-estar e pacificação internas - os quais, logicamente, terão a sua contraparte externa ao nível do nosso comportamento na sociedade, na família, entre amigos, etc.). Finalmente, teremos ainda espaço para a beleza (e este conceito é amplo e vasto, tendo aplicação em várias áreas como é sabido).

Assim, este é um dia que tanto pode ser esgotante como regenerador, tudo dependerá da forma como o pudermos e soubermos vivenciar. Porém, uma coisa é certa, ele será, sem sombra de dúvida, muitíssimo transformador, habilitando alguns de nós a um novo patamar de consciência.

 

 

Escutar e Agir - 13/10/2021

Eva Veigas, 13.10.21

245623660_639934640357366_3844670622063584974_n.jp

 

13/10/2021

1+3+1+0+2+0+2+1 = 10 = 1+0 = 1



Um momento para recomeçar uma nova etapa, aproveitando para dissolver medos e inseguranças.

Trabalhar no sentido de compreender as causas da timidez, da necessidade de validação externa.

Entender porque se esconde do mundo e não ocupa o seu lugar, o qual ninguém pode ocupar, na roda da vida.

Buscar o motivo que está por detrás dessa indolência, dessa vontade de desistir da vida, de si mesmo, da oportunidade de estar aqui, para a qual tanto trabalhou e que tanto desejou, pese embora as suas memórias a esse respeito possam estar enevoadas ou mesmo totalmente ocultas dentro de si.

Pare de adiar as suas tarefas terrenas e acima de tudo pare de adiar o seu mais belo projecto, que é o seu próprio projecto de vida.
Transforme medo em aventura, busque um sentido para a sua vida, arrisque, ouse, aprenda a tirar prazer de cada momento.

A vida não se condói do passar dos anos. A vida flui e passa através de nós, porque a vida não nos acontece, nós é que acontecemos à Vida!

Seja inventivo, imagine as soluções para determinado problema que o aflige. Há sempre solução, por vezes até mais do que uma.
Solte-se, dance, grite, caminhe, corra, salte… mova-se na direcção de si mesmo, do seu propósito, dos seus projectos, lute por aquilo que defende e quer.

Não baixe os braços, vá à luta!

Tudo o que fizer hoje no sentido de se desembaraçar dos nós que o amarram, servirá para acrescentar e reforçar mais um pouco da sua sabedoria.

Permita-se!

Revele-se!

Faça-se ouvir.

Escute a si mesmo e aos outros!

Escute antes de julgar, criticar, ofender!

Escute com todos os poros.

Não reaja!

Aja!

Aja a partir do Coração e da Mente Iluminada!

Eva Wolf Heart

Sucesso e Superação - 12/10/2021

Eva Veigas, 12.10.21

245214691_197218402524969_3881679712527998742_n.jp

 

12/10/2021

1+2+1+0+2+0+2+1 = 9


O momento traz a oportunidade de fechar e encerrar ciclos. De dar um desfecho a certos assuntos ou de terminar tarefas e projectos.

O maior impedimento que poderá surgir para concluir estes assuntos pendentes, será sem dúvida a procrastinação, a qual poderá ter como motivo a preguiça, a pressa ou o perfeccionismo.

Querer queimar etapas para chegar depressa ao final da nossa tarefa pode arruinar um trabalho moroso de meses ou até mesmo anos (pressa) ou, por outro lado, pode conduzir-nos a desistir de um projecto, ao qual dedicámos igualmente bastante tempo e onde investimos imensa energia (preguiça).

O perfeccionismo, de uma outra forma, pode arrastar e adiar a conclusão de assuntos ou tarefas, por tempo indeterminado, o que obviamente poderá ter consequências devastadoras, para a nossa vida e, em muitos casos, arrastar outras pessoas para esse turbilhão de energia estagnada.

Portanto, convém dar uma direcção às nossas decisões agindo prontamente, com determinação e eficácia.

Outros impedimentos poderão surgir, devido à nossa hesitação (pensar demais acerca dos prós e contras); medo de ser bem-sucedido; medo de fracassar; medo de enfrentar as críticas; medo da exposição e assim por diante.

Cabe a cada um de nós, procurar a dor que se encontra subjacente à nossa incapacidade de seguir em frente em direcção à conclusão ou desfecho que queremos dar a determinada situação, já que se ignorarmos esse passo, correremos o risco de perpetuar esta questão ad eternum.

Sem resolver em primeiro lugar os impedimentos, não seremos capazes de concretizar os nossos trabalhos, nem de colocar as mãos na massa para manifestar e dar vida aos nossos sonhos.

Para aqueles que têm estes impedimentos ultrapassados e superados, será muito fácil, hoje, terminar ou encerar este ciclo e dar vida ao próximo, pois esses saberão organizar-se, seguindo passo a passo, as decisões pré-determinadas e as tarefas que estabeleceram como prioridade.

Além disso, serão capazes de resolver quaisquer desafios ou problemas de última hora, com serenidade, baseados no seu grau de conhecimento e experiência, adicionando a tudo isto a sua poderosa criatividade.

Serão capazes de se expressar livremente e encontrar soluções rápidas e eficazes para qualquer situação decorrente ao longo dia, esteja ela relacionada com questões pessoais, afectivas, sociais, profissionais ou outras.

Este é um dia votado ao êxito, ao sucesso e à superação de nós mesmos, porém caberá a cada um de nós, usá-lo da melhor forma que pudermos e soubermos.

Eva Wolf Heart

Dissolução de limites - 11/10/2021

Eva Veigas, 11.10.21

245234268_196533145926828_1433849659914808243_n.jp

 

11/10/2021

1+1+1+0+2+0+2+1 = 8


O poder transformador do 11, cria o cenário (a quem se permite), para concretizar qualquer projecto ou desejo que tenha vindo a elaborar, desde dentro, há já muito tempo.

Este é o momento de encarar a verdade e de enfrentar a si mesmo, descartando tudo o que é velho e obsoleto.

Todas as limitações e barreiras anteriores estarão sendo dissolvidas agora, e, portanto, este é o momento de ir à luta, e parar com todas as desculpas habituais para não seguir em frente, e agir em conformidade com o que a sua consciência lhe dita.

Uma vontade superior emerge de dentro de si e se faz escutar como uma voz interior, que tanto pode ser suave e doce, como um pouco fria e áspera. Venha essa indicação como vier, ela está aí para servir o seu próprio Bem e através de si, servir o Bem Maior.

Chega de adiar, aquilo que você sabe que precisa de ser feito. Não deixe para amanhã, nem para a semana. Tome a decisão hoje, Faça hoje. Aja hoje.

Siga em frente com fé e confiança, sem expectativas. Apenas vá!

Eva Wolf Heart