Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

𝑬𝒗𝒂 𝑽𝒆𝒊𝒈𝒂𝒔

𝑨𝒓𝒒𝒖𝒆𝒐𝒍𝒐𝒈𝒊𝒂 𝒅𝒂 𝑨𝒍𝒎𝒂 - 𝑵𝒖𝒎𝒆𝒓𝒐𝒍𝒐𝒈𝒊𝒂 𝑨𝒓𝒄𝒂𝒏𝒂 - 𝑻𝒂𝒓𝒐𝒕 & 𝑶𝒓á𝒄𝒖𝒍𝒐𝒔 - 𝑿𝒂𝒎𝒂𝒏𝒊𝒔𝒎𝒐

𝑬𝒗𝒂 𝑽𝒆𝒊𝒈𝒂𝒔

𝑨𝒓𝒒𝒖𝒆𝒐𝒍𝒐𝒈𝒊𝒂 𝒅𝒂 𝑨𝒍𝒎𝒂 - 𝑵𝒖𝒎𝒆𝒓𝒐𝒍𝒐𝒈𝒊𝒂 𝑨𝒓𝒄𝒂𝒏𝒂 - 𝑻𝒂𝒓𝒐𝒕 & 𝑶𝒓á𝒄𝒖𝒍𝒐𝒔 - 𝑿𝒂𝒎𝒂𝒏𝒊𝒔𝒎𝒐

Qui | 22.04.21

Dia da Terra - 22/04/2021

Eva Veigas

earth-brian-kirhagis-2.jpg

 

Hoje, 22/04/21 é dia da Terra 🌍
 
T E R R A = 2 5 9 9 1 = 26:8
 
Na riquíssima língua de Camões, a palavra Terra corresponde ao Número 8, o qual é governado (e não, não acredito em coincidências) pelo Elemento Terra. O 8 é o Número do concreto, do palpável, do realizável. É o número da Materialidade porque se associa naturalmente ao Elemento que permite materializar e manifestar todas as formas que conhecemos.
 
A matéria pode ser moldada, ainda que com maior ou menor esforço, dependendo da sua maleabilidade, espessura, tamanho, peso, etc., podendo ser transformada, restaurada, reciclada, etc.
 
Sendo hoje o dia da Terra, não basta celebrar, há que unir esforços na busca de um modo de vida mais sustentável para todos, e não me refiro apenas aos humanos, mas a todos os Reinos da Terra, pois nós somos apenas uma ínfima parte do Reino da Natureza.
 
Numerologicamente a data de hoje, 22/04/2021, resulta num 13, cuja redução nos revela o Número 4. Mais um Número governado pelo Elemento Terra. (Já disse que não, não acredito em coincidências!) Aproveito assim para honrar os elementais da Terra, que tanto trabalham, juntamente com todos os outros elementais ou espíritos da natureza, no sentido de manter este solo sagrado, bem firme, debaixo dos nossos pés.
 
Feliz Dia da Terra 🕸🐢🐾🌹🌞🌎
Qui | 01.04.21

Semana Numerológica: 01/04/21 a 07/04/21

Eva Veigas

wood-anemone-4112178_640.jpg

 

Numerologia de 1 a 7 de Abril – Regente 9

 

O Número 9, como regente do período de 1 a 7 de abril, convida-nos a ir ao encontro da nossa sabedoria interior. É uma viagem para dentro, que implica um tempo de pausa, um tempo que deveremos oferecer a nós próprios. Um momento a sós com aquela parte de nós que se vincula com esse saber inato, esse saber fazer, saber escutar, saber silenciar, saber olhar, saber, saber sabendo que se sabe, mas não se sabe como ou porquê.

A sabedoria da alma é aquela que nos coloca em contacto com uma Sabedoria Imanente, ancestral, uma Sabedoria que atravessou os tempos e as Eras que nos precederam, uma Sabedoria que se ergue desde a Terra em direção ao Céu e que desce desde o Céu até ao núcleo da Terra. Uma Sabedoria que desafia todas as Leis conhecidas e imaginadas pelos homens, uma Sabedoria que não definha, que permanece intocada, que prevalece sobre todo o conhecimento acumulado, adquirido em pilhas de livros e pergaminhos amarelados pelo tempo. Essa Sabedoria que é a Pura Mente de Deus/Deusa em acção, que foi soprada para dentro de cada alma-recipiente, para ser usada na nossa jornada. Uma Sabedoria que vem marcada nos ossos e no sangue.

Mas… Ai de nós, por que essa Sabedoria intocada está esquecida num canto escuro no fundo do nosso Ser, qual papel amarrotado e atirado para o fundo de uma velha gaveta.

É preciso abrir as gavetas e pegar nos papeis amarrotados e enegrecidos pelo tempo, abri-los cuidadosamente e voltar a aceder ao seu conteúdo.

Este é um tempo de renascer, de rebuscar de refazer, de voltar a olhar a partir de novas perspetivas. É um tempo de nos abrirmos à possibilidade de amar em todas as direções e de nos deixarmos amar de todas as formas. É um tempo de dar e receber, sem segundas intenções. É um tempo de abrir mão de pesos e amarras e de nos movimentarmos livremente em qualquer direcção. Um tempo de nos deixarmos ir como folhas ao vento iluminadas pelo Sol da Primavera.

 

Eva Veigas

Numeróloga Transpessoal

 

Imagem de Kerstin Riemer por Pixabay