Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Numerologia, Arcanos & Cia. by Eva Veigas

Numerologia, Arcanos & Cia. by Eva Veigas

30.03.20

10:1 - Regente Numerológico de 30/03/2020


Eva Veigas

buda1.jpg

Imagem: Jose Luis Sanchez Pereyra

 

30/03/2020 - Um dia governado pelo Número 1

 

Energia do dia – Número 1

Esta é uma combinação generosa, já que me indica uma direcção – devolvendo-me um posicionamento real relativamente às minhas escolhas, comportamentos, atitudes, desejos e formas de expressão -, e ao mesmo tempo assinala uma oportunidade para dirigir a minha atenção, foco e energia para uma nova e mais ampla possibilidade. Mostra o Caminho, mas também revela o poder que permanentemente me vivifica, aquele que está tão perto de mim que vibra a cada respiração, a cada pulsar da minha existência – o Poder de Escolher, o qual não está entre o bem e o mal, mas entre o Conhecimento e a Ignorância.

Escolho qualidade ou quantidade? Escolho usando os sentidos habituais que tantas vezes me confundem ou escolho usar os sentidos supra físicos e aprendo a aprender-me, a descobrir-me numa forma de ser, de estar e de me expressar completamente nova ou diferente?

 

Lição do dia – Número 24:6

Sempre que defino uma direcção e me apresso a seguir esse rumo, faço uma escolha para mim, consciente de que a minha escolha influencia a vida de tudo e de todos, desde a nano-partícula ao Super universo mais distante. Escolher é trazer responsabilidade aos meus actos. Se não escolho, por medo, por inaptidão ou por orgulho, estou a escolher novamente, apenas a energia em que baseio as minhas decisões estará associada a uma qualidade inferior, ou mesmo a uma total ausência de qualidade. Escolher por escolher retira-me a responsabilidade pedida em 6 e dessa forma todo o crescimento e maturação que daí poderia advir será posto em causa e poderá mesmo nunca acontecer.

 

Desafio do dia – Número 3

O Número 3 está repetido na data sob a forma de um 30 que corresponde ao Número do Dia de Calendário e de um 3 que assinala o número do mês de Março. Trata-se de um Número-espelho, dado que geralmente se escreve a data de acordo com o modelo DD-MM-AAAA*.

Assim, e neste caso concreto 30/03 revela-se um Número-espelho e tal como o nome indica, representa um espelhamento de tudo aquilo que eu fizer com e através de esta frequência. Simplificando, tudo o que eu decidir ou fizer será reflectido através de um grande e límpido espelho à minha frente. A energia que é originada em mim, e que é enviada e espalhada por mim em muitas direcções, é-me automaticamente devolvida, tal como o espelho reflecte a minha imagem

O Número 3 surge, assinalando assim a sua importância, surgindo em três posições no mapa de hoje e, por isso, neste caso falamos da sua triangulação**.

Ora, esta análise obriga a um olhar mais profundo, para tentar descobrir as pistas que estas energias vão deixando no caminho. Se o 3 representa a expressão, a emotividade, a alegria, a criatividade, a fantasia, a imaginação e assim por diante, como posso eu libertar estas forças, dado que elas parecem obstaculizar o meu caminho? E qual ou quais as forças contrárias subjacentes à energia do 3, neste dia em concreto?

Na sombra deste 3 escondem-se as sementes adormecidas do 1 e do zero. Ora, já se disse que a vibração universal do dia é 10:1, portanto para fazer emergir das sombras todos este potencial é preciso ser-se 1 e ser-se zero e ser-se 10. Por outras palavras é preciso ser firme, determinado, pragmático, original, corajoso, resiliente e reunir uma série de condições e características próprias de um líder, de um mestre, de um indivíduo bem-formado e bem-intencionado, cujas qualidades superiores sejam vividas e sentidas por ele mesmo e por quem o rodeia, sem disso fazer alarde. E porque é isto tão importante? Porque chegou a hora de liderar a nossa própria consciência, de trazer à tona a nossa mestria pessoal, de revelar a nossa verdadeira identidade, a qual esteve durante muito tempo oculta na sombra. O momento é agora.

 

 

 

*DD-MM-AAAA: DD = Dia, MM = Mês, AAAA = Ano.

** Triangulação – aspecto específico de um mapa numerológico, que é citado sempre que existam três números iguais, na análise de uma data ou em outras análises particulares do mapa natal.

 

Eva Veigas
14.03.20

12:3 - Regente Numerológico de 14/03/2020


Eva Veigas

blog_2.jpg

Imagem: Lyndon Li

 

 

14/03/2020 - Um dia governado pelo Número 3

 

Energia do dia – Número 3

A energia do 3 chega para nos alinhar com a nossa alegria interior. A verdadeira alegria – aquela que surge desde dentro pelo simples facto de existirmos, de estarmos vivos, de podermos experimentar “ser” através de um veículo humano. A alegria de nos deslumbrarmos com todas as manifestações da Natureza: um arco-íris, um regato de águas límpidas, o som do vento que agita a folhagem das árvores, o canto dos pássaros e tantas, tantas outras expressões de uma Natureza em constante revivificação. A alegria de nos maravilharmos com as coisas simples, com os pequenos gestos de cuidado, mas que tanto representam para cada um de nós. Hoje (e sempre) podemos ser um farol na nossa própria vida ou na vida de alguém. Para ser farol, há que ser faroleiro e como sabem é ele que cuida da luz que o farol emite.

 

Lição do dia – Número 5

A lição deste dia está directamente ligada ao desafio de hoje, dado que são governados pelo mesmo Número. De certa forma, trabalhar num dos extremos da polaridade implica uma consequência no polo oposto da mesma. Este eixo 5 pode ser lido como um eixo de Liberdade/Impedimento.

No momento actual, por motivos sobejamente conhecidos, todos estamos impedidos ou condicionados nos nossos movimentos mais básicos ou mais comuns, dado que as nossas rotinas foram fortemente afectadas.

De que modo iremos viver esta situação (hoje e nos próximos tempos)? Cada qual a viverá de acordo com a sua consciência e fortalecimento interno, como é óbvio. Mas o que se pretende expor aqui, é chamar a atenção para a importância de trabalharmos esta lição 5, buscando o máximo de equilíbrio possível: nos nossos pensamentos, emoções, gestos e atitudes comportamentais. A lição 5, neste caso concreto apela ao bom senso, a um sentido de colaboração e cooperação, de união e compaixão associada a uma plena vontade de colocar a nossa criatividade, as nossas ideias e a nossa boa vontade ao dispor, contribuindo assim, com algo positivo para o mundo. O mundo aqui tanto é retratado a nível global, como representando a nossa casa, a nossa família, a nossa comunidade – o “nosso mundo” – a esfera onde nos movimentamos.

Desta forma, poderemos saborear uma liberdade diferente daquela que algumas vezes supomos existir - a qual não passa de uma poderosa abstração e que por isso mesmo transforma a ideia de liberdade numa imagem romântica – a liberdade de sermos nós próprios sem que isso interfira na liberdade do outro. Difícil, não é? Por isso é que se chama Lição ou Aprendizagem! Como diria Nelson Mandela: “Ser livre não é apenas quebrar as próprias correntes, mas viver de uma maneira que respeite e aumente a liberdade dos outros.”.

 

Desafio do dia – Número 5

Como desafio o 5 é bastante complexo, pois ele oscila entre a loucura, o pânico, a vontade de desistir deste cenário, de abandonar o barco, recorrendo para isso a inúmeras possibilidades, bem conhecidas de todos. Portanto precisamos de cuidar de nós e dos outros, para não entrarmos na vibração da alienação, a qual nos pode conduzir a um nível de caos muitíssimo perigoso. Este desafio torna-nos irascíveis, irritados, nervosos, confusos e profundamente abalados com situações novas e que exigem mudanças constantes, as quais necessitam de ser ajustadas de forma continuada. Este desafio é tanto mais complicado, quanto maior for a resistência de cada um à mudança. Cuidar da saúde do sistema nervoso é muito importante em momentos em que o 5 está mais activo, sobretudo quando o ano é 4, que é o caso de 2020, já que este abala todas as estruturas. E, tal, como já disse e escrevi muitas vezes noutros textos, se os pilares do 4 que é a base, não estiverem bem fundos, e bem cuidados, colapsam, fazendo ruir o edifício inteiro.

É por esta razão que precisamos tanto de abrir o nosso coração à aprendizagem que a Vida, esta vida, esta jornada, cada jornada, nos proporciona.

 

Eva Veigas
13.03.20

11:2 - Regente Numerológico de 13/03/2020


Eva Veigas

Milky Way Galaxy wallpaper

Imagem: Graham Holtshausen

 

13/03/2020 - Um dia governado pelo Número 11

 

Energia do dia – Número 11

A energia do 11 sintoniza-nos com a nossa visão interior, a nossa intuição e a nossa capacidade de transcender muitas dificuldades que pareciam impossíveis de resolver. O 11 transforma algo extraordinariamente complexo (seccionando e dividindo) em partes mais simples, e por conseguinte mais fáceis de manusear. No fundo, podemos afirmar que o 11 é um gigantesco “descomplicómetro” e se o soubermos usar, facilitar-nos-á a compreensão e a avaliação de muitas situações, que de outra forma nos lançariam no caos e na confusão mental.

 

Lição do dia – Número 1

A lição de hoje tem como objectivo ajudar-nos a chegar aos nossos objectivos, aliando a cooperação e o entendimento à vontade, à determinação e à persistência para manifestar plenamente o nosso potencial e aquilo que queremos realizar plenamente. Este equilíbrio trará harmonia ao nosso dia, a todas as tarefas que queiramos ou tenhamos que executar e a todos os momentos em que tenhamos que enfrentar os outros, mesmo que esse confronto seja saudável e criativo. Teremos que saber manter a nossa posição, sem interferir na escolha dos outros. Uma boa ideia é usar este dia para exercitar mais a compreensão: saber escutar, saber quando falar e saber quando silenciar, e, acima de tudo, saber aceitar as circunstâncias em que cada um de nós se encontra, evitando assim julgamentos e críticas desnecessárias. A lição de hoje exercita a nossa firmeza e a nossa autoconfiança em prole da elevação e do progresso.

 

Desafio do dia – Número 3

O desafio de hoje é idêntico ao de ontem (dia 12) confrontando-nos com a nossa criatividade emocional. Em que medida nos permitimos fluir no processo criativo e espontâneo, na capacidade de responder com soluções eficazes para diversos problemas, quando as nossas emoções se encontram bloqueadas?

Precisamos de ganhar consciência de quem somos a cada momento, a cada situação, e para isso temos de reaprender a sentir; reaprender a viver como manifestações da natureza e não como donos dela. Se ganharmos essa consciência e reconhecermos o nosso papel fundamental na evolução, jamais perdermos o contacto com o nosso chão bem como com o nosso aspecto divino.

 

Eva Veigas
12.03.20

10:1 - Regente Numerológico de 12/03/2020


Eva Veigas

12_03_20.jpg

Imagem: Jordan McDonald

 

12/03/2020 - Um dia governado pelo Número 1

 

Energia do dia – Número 1

Hoje é um dia para recomeçar. Para arrancar com nova energia, aproveitando o impulsionamento que o Fogo nos empresta, através do qual nos projectamos para a frente e para cima, sempre que este Fogo visa a criação e a construção de algo que beneficie o Todo. É um dia para edificar e empreender. Um dia para buscar e trilhar um caminho novo ou diferente, ainda que isso possa parecer um pouco assustador inicialmente.

 

Lição do dia – Número 6

A lição de hoje visa encontrar um equilíbrio entre os nossos planos e necessidades pessoais e as necessidades dos outros. É um equilíbrio bastante desafiante pois coloca em evidência as nossas características ou atributos mais sensíveis, nomeadamente a nossa disponibilidade para cooperar com os outros, respeitando em simultâneo as nossas vontades e necessidades. É excelente para construir pontes e cuidar dos relacionamentos de forma afectuosa e cordial, sem entrar em cedências fúteis e sem sentido. Cada desafio ou problema que se nos apresente hoje (seja de maior ou menor complexidade) deve ser resolvido com vista à sua transmutação e não com a ideia de o erradicar ou de o esconder. A transmutação compreende a transformação do problema desde a sua raiz e para isso é necessário dedicar-lhe um certo tempo, uma certa atenção…

 

Desafio do dia – Número 3

O maior desafio sentido hoje prende-se com uma grande dificuldade em manter a nossa criatividade ao serviço de frequências geradoras de soluções. Haverá tendência à distração, à sobrecarga de tarefas, a uma certa incapacidade em organizar (não saber por onde começar). Por isso convém respirar fundo, sorrir e ter consciência de que com calma, serenidade e organização pessoal tudo se consegue. Roma e Pavia não se fizeram num dia, portanto este é o momento de dar direcção (Número 1) ao que é prioritário e encaixar tarefas secundárias para um outro momento.

 

Eva Veigas
12.03.20

7 - Regente Numerológico de Março 2020


Eva Veigas

Março 2020 foto by Erin Song.jpg

Imagem: Erin Song

 

Março 2020 - Um mês governado pelo Número 7

 

 

 "Quando os autores modernos descrevem a paisagem da alma de nosso tempo, surgem de quando em quando palavras como distanciamento, solidão e isolamento. Distanciamento entre o ser humano e a natureza, distanciamento entre os seres humanos, distanciamento entre o ser humano e ele próprio."

Achim Eckert in O Tao da Cura

 

 

O curso energético deste mês de Março, fluindo como um rio que recebe diversas influências energéticas (como por exemplo a do Número 4 que governa o ano 2020), corresponde ao Número 7.

 

Este Número, que governa, influencia e disponibiliza a sua energia, de forma abstracta, naturalmente, coloca-nos em posição de aprender e evoluir acerca dos temas que com ele se relacionam directamente: Introspecção/Isolamento, Meditação/Dispersão, Reflexão/Descontrolo, Calma/Euforia, Passividade/Fanatismo

Observemos então de que forma podemos aproveitar esta energia ao mais alto nível na nossa vida e como podemos aplicar os seus princípios.

Em primeiro lugar devemos considerar a energia deste mês (assim como dos restantes) como estando enraizado na energia do 4 (Número regente do ano 2020) para compreender que o elemento que tudo une ao longo deste ano é, sem dúvida, o elemento Terra.

Precisamos da força desta vibração particular para poder cruzar este mar de caos que se instalou nas nossas vidas e determinar uma direção.

Então, posteriormente já será possível focar-nos em tudo fazer, para não nos desviarmos da meta inicialmente traçada, excepto para ajustar as velas aqui e ali, atracar em portos seguros para reabastecer o navio e depois seguir viagem sem nos determos demasiado em lugares incertos.

O 7 é uma frequência fortíssima e muito intensa, que para muitas pessoas é sinónimo de passividade, lentidão ou mesmo apatia, mas isso não passa de uma grande ilusão e de uma crença tola.

Na verdade, não existe Número ou força da natureza que tenha tal significado ou atributo. O que sucede é que existem diferenças na forma como as frequências vibram, umas são mais lentas, ou se preferirem mais demoradas, e outras são mais rápidas e incisivas. Isto não é o que sucede quando tocamos um qualquer instrumento de cordas? A vibração das cordas (ou dos acordes) é mais demorada ou mais rápida, dependendo da forma como se toca.

Assim, o 7, nada tem de apático ou de passivo, nós é que nos tornamos apáticos ou passivos, letárgicos e dormentes, etc., dependendo da forma como vibramos internamente, quer quanto ao conteúdo, quer quanto à qualidade da nossa essência, sendo que isso é apenas a manifestação ou a consequência da nossa falta de interesse em conhecer a nossa natureza interna.

Deixamo-nos ir ao sabor da maré, sem rumo, sem direcção, sem vontade, não querendo investir em nada de profundo e duradouro (trabalho interior, relacionamentos, etc.), compromissos que exigem demasiado esforço para aqueles que querem comprar tudo feito, incluindo a sua própria evolução espiritual, perdão ou qualquer outro aspecto que dignificaria a sua espécie.

Portanto, o 7 coloca-nos de imediato, frente a frente com estas realidades obrigando-nos a fazer um movimento interno preciso e constante (percebem agora porque é demorado?), a olhar profunda e demoradamente para a nossa realidade interna e a fazer ligações com aquilo que expressamos fora, com o que trazemos de dentro, para fora de nós.

Aquilo que fazemos, dizemos e expressamos é igual ou pertence à mesma frequência daquilo que sentimos, pensamos e decidimos que queremos fazer?

É esta uma das razões pelas quais precisamos de ter em conta o elemento Terra, pois através dele, poderemos colocar os nossos pés em terra firme, poderemos enraizar um pensamento, para que ele possa crescer e dar frutos, poderemos fortalecer a nossa vontade, poderemos criar foco e sustentá-lo naquilo que é importante e prioritário para a nossa vida, poderemos definir metas, objectivos e intenções. Tudo isto em conjunto, obviamente, com o elemento Ar que governa o 7, pois sem ele não haveria movimento, nem direcção ao nível dos pensamentos e das subsequentes acções.

Precisamos de aprender a meditar e a reflectir; aprender a pesquisar e a estudar e aprender a aplicar na prática os frutos que recolhemos das nossas meditações pesquisas e estudos, Caso contrário, de nada nos serve um conjunto de conhecimentos sem aplicação prática e sem uma fundamentada visão espiritual.

Este é um excelente momento para se aplicar o que se apregoa - e se somos bons a apregoar o que é bom para os outros!

A frequência do 7 pode ser vivida ou sentida entre momentos de acalmia ou euforia e passividade ou fanatismo. Teremos que ser cuidadosos e estar atentos aos diversos graus da manifestação desta energia através da nossa armadura física e espiritual. Lembrem-se que todos nós somos veículos, cabendo a cada um de nós a responsabilidade das nossas decisões, das nossas emoções e dos nossos actos. No fundo, trata-se de nos responsabilizarmos pela nossa própria vida e de acelerarmos a nossa maturidade em relação a questões básicas da nossa humanidade. São questões que já deveríamos saber de cor, que deveriam incorporar o nosso quotidiano, como o respeito, a educação, a entreajuda, a honra, etc., mas que ainda parecem tão distantes quando observamos os nossos comportamentos, quer a nível colectivo, quer a nível individual.

A inconsciência, fruto da ignorância que grassa no mundo é a raiz podre que nos afasta de nós mesmos, uns dos outros e da natureza. É preciso arranca-la pelo fundo, revolver a terra onde ela cresceu e nutri-la de novo com a semente do conhecimento e das boas práticas. A árvore cresce enraizada na terra e é a qualidade da terra, do ar, da água e da própria semente (o fogo) que irá determinar se essa árvore crescerá forte e saudável ou se pelo contrário será estéril e seca.

Como é a tua árvore?

 

Eva Veigas
04.03.20

Termos e Condições


Eva Veigas

typewriter-3583552_960_720.jpg

Imagem: Pixabay

 

Termos e condições que deverá ler e aceitar antes de marcar a sua sessão.

 

1) Consultas/Terapias - Cursos/Workshops

 
Cada consulta, terapia, massagem, etc. que efectuo é única, como única é a nossa história e o nosso percurso de vida. Aqui é respeitado o sigilo e a confidencialidade absolutos, quer da sua sessão quer dos seus dados pessoais.
 
No caso dos cursos e ws aplica-se o mesmo princípio, o qual é recordado no início de cada sessão, para que todos os participantes tomem consciência do quão importante é cultivarmos relações correctas de modo a podermos partilhar alguns aspectos da nossa intimidade com segurança e confiança nos outros.
 
Importante! Sempre que o tema abordado foque aspectos da sua saúde física ou mental, lembre-se que as minhas sessões constituem apenas conselhos e orientações gerais.
 
Em caso algum, elas poderão substituir o seu médico!
 
As consultas e terapias devem ser marcadas e pagas com antecedência, pois estas exigem um tempo de preparação anterior à sua realização, as quais implicam um investimento logístico e financeiro, para além de um compromisso profundamente sério com a energia que sustenta todo o meu trabalho, por essa razão deverá ler as regras acerca do pagamento e cancelamento das sessões nos tópicos seguintes.
 
 

2) Pagamentos

 
2.1 Consultas/Terapias: O pagamento das consultas ou terapias presenciais, pode ser feito no próprio dia. As consultas online devem ser pagas através de transferência bancária até 72h (3 dias) antes da sua realização, as quais só serão validadas mediante envio de comprovativo de pagamento para o email indicado nos Contactos.
 
2.2 Cursos/Workshops: O pagamento dos Cursos ou Workshops implica sempre uma pré-inscrição de modo a assegurar a vaga, a qual só será validada mediante envio de comprovativo de pagamento da pré-inscrição (ou da totalidade do valor do Curso/Workshop) para o email indicado nos Contactos.
 
 

3) Cancelamentos

3.1 No caso de impossibilidade por parte do consulente, de manter o serviço agendado, deve o mesmo avisar com a máxima brevidade.
 
3.2 No caso de faltar à consulta, sem avisar previamente, o agendamento de uma nova sessão implica o pagamento antecipado da mesma.
 
3.4 Reservo-me o direito de declinar a marcação de uma qualquer sessão, caso sinta que não estão reunidas determinadas condições básicas, como o respeito, a livre consciência, a idade ou os horários.
 
3.5 Cursos e Workshops - em caso de cancelamento (v. condições específicas de cada evento) o valor da pré-inscrição não será devolvido.
 
3.6 Em caso de cancelamento da minha parte todos os valores pagos relativos a esse agendamento, serão, obviamente, devolvidos. Para tal, e nesses casos apenas, ser-lhe-à solicitado o seu NIB para efectuar a devida transacção.
 

4) Dados necessários

4.1 Nome completo de registo; data de nascimento; hora de nascimento (se possível) contactos (telefone e email).
4.2 Não me responsabilizo pela indicação de dados incorrectos, pelo que deve indicar com exactidão os dados supra indicados, por escrito, para o email indicado nos Contactos.
 
 

5) Local de Atendimento

  • Presencial: São Domingos de Rana, Cascais
  • Online: Skype, Messenger, Whatsapp

 

6) Horário de Atendimento:

  • Segunda a Sexta- 11:00 - 13:00 - 15:00 - 17:00 - 17:30- 19:30
  • Sábados - 16:00 - 18:00
 
 

7) Agendamento de Sessões e Contactos

Em ambos os casos deve indicar o seu nome, telefone e email preferenciais.
 
Voltar a Consultas de Numerologia
Voltar a Consultas de Tarot

 

 

Eva Veigas
04.03.20

Propósito e Missão


Eva Veigas

Eva (2).jpg

Eva Veigas

Arqueóloga da Alma

 

Saudações! Sejam muito bem-vindos a este lugar e a este tempo!

 

Apresento-vos o espaço de divulgação do meu trabalho.

Disponibilizo consultas online de Numerologia e Tarot no âmbito do desenvolvimento pessoal tendo em vista o nosso auto-conhecimento: quem somos; porque estamos aqui; quais as nossas maiores qualidades ou melhores características e como as podemos desenvolver, melhorar e refinar; de onde vêm ou qual a origem das nossas aptidões e dons inatos; quais os maiores desafios ou obstáculos a superar ao longo da presente existência e qual a postura ou atitude que podemos adquirir, para o fazer; qual é o verdadeiro anseio da nossa alma; que peso e influência tem em nós, e na nossa vida quotidiana, a nossa história familiar; entre muitas outras questões que podem ser abordadas neste género de sessões.
 
Cada sessão tem uma duração de 2 horas.
 
As sessões são online, telefónicas ou presenciais. (As sessões presenciais não se realizam, neste momento, devido à pandemia. Serão reactivadas assim que estejam reunidas as condições para as levar a cabo em segurança).
 
Antes de agendar a sua sessão comigo, deverá ler os Termos e Condições.
 
 
 

Sobre mim

Utilizo diversos instrumentos e ferramentas, como a Numerologia, o Tarot ou o Reiki e a Cura Xamânica, para "descobrir" (colocar a descoberto; destapar) os tesouros e artefactos internos que vão ficando enterrados dentro de cada um de nós, por via de experiências negativas ou traumáticas, desta ou de outras vidas.
 
Junto dos nossos tesouros e riquezas, estão também os nossos receios, os fantasmas e as memórias dos passado, que nos assombram constantemente e nos amedrontam ao ponto de não fazermos uso dos nossos recursos interiores, os quais, não só nos beneficiariam, como, muito provavelmente poderiam melhorar e elevar as vidas de outras pessoas.
 
Essas arcas cheias de tesouros, ocultadas por caixotes onde impera o medo e a desesperança, a zanga e o desespero, a raiva e a procrastinação, entre outros impedimentos, como, por exemplo,o sistema de crenças negativas que subjaz a todo esse processo, precisam de ser desenterradas.
Porém, tal como um arqueólogo, que se acha diante de uma descoberta incrível e que não pode alcançar o tesouro, sem antes remover, cuidadosamente, cada objecto, o pó, as teias de aranha, e por vezes até ter que dar umas marteladas para partir alguma pedra ou parede que bloqueia o acesso ao tesouro, também nós - através de um trabalho conjunto entre aquele que busca a ajuda e aquele que tem o recurso para ajudar - precisaremos dessa paciência, dessa minúcia, desse empenho, dessa persistência, entre outras características igualmente importantes, para alcançarmos o seu tesouro interno - o coração - o Amor, onde está inscrito tudo o que precisamos saber para que a nossa alma se cumpra.
 
Os instrumentos ou ferramentas de trabalho de que disponho aliados ao meu Coração, cujas raízes se encontram na Terra e no Céu, que o nutrem a cada inspiração, são o que tenho para oferecer. O grande motor de toda esta engrenagem é sem dúvida o Amor que carrego no meu peito e que por sinal, me fez seguir um caminho inesperado, desviando-me da normalidade de uma qualquer outra profissão, mais aceitável aos olhos da sociedade.
 
Foi precisa coragem e bravura para me ir conhecendo e aceitando e para remexer na minha própria estrutura, foi preciso escavar em mim (e continuo a fazê-lo), para me tornar capaz de ajudar outras pessoas a fazer o mesmo. Foi preciso largar o meu medo, foi preciso partir muita pedra para conhecer um pouco mais de mim, foi preciso atravessar um caminho escuro, cheio de sombras e cheiro a morte, para alcançar a luz do outro lado da parede. Foi preciso ser arqueóloga de mim mesma (não sem apoio de pessoas muito qualificadas, aqui e ali) para alcançar as minhas próprias riquezas internas.
 
Aprendi a aceitar a minha intuição, a validar minha capacidade de ler através das aparências, entre outras capacidades que descobri que tinha. A isto aliei a minha ética e os princípios e valores que defendo e dos quais não abdico, já que eles são, não apenas a base onde o meu trabalho com os outros assenta, mas, e acima de tudo, os alicerces que sustentam toda a minha vida.
 
Por estas e outras razões, considero-me, em tom de brincadeira, uma arqueóloga da alma.
 
E, tal como diria Herman Hesse: "Nada lhe posso dar que não exista em si. Não posso abrir-lhe um outro mundo de imagens, além daquele que existe na sua própria alma. Nada lhe posso dar senão a oportunidade, o impulso, a chave. Eu ajudá-lo-ei a tornar visível o seu próprio mundo, e isso é tudo."
 

 

Não me defino pelo que faço, nem pelo que sou.

Sou tudo e não sou nada.

Sou grande e sou pequena.

Sou Sol e sou Lua.

Sou Fogo e sou Água.

Sou Sombra e sou Luz.

Sou Terra, Sou Mar, Sou Fogo, Sou Ar Sou Filha das Estrelas e do Povo do Mar.

Sou feita de Sonhos e de Memórias Busco Segredos e não Vitórias

Não tenho Idade nem Cor.

Sou Eternidade e Amor.

Sou Espírito que pulsa em mim.

Doce fragrância de Jasmim.

Sou Eu, Sou Tu, És Eu.

SOMOS NÓS.

 

 

Eva Veigas
01.03.20

Bem-vindo Março!


Eva Veigas

march.jpg

Imagem: Glen Carrie

 

Numerologicamente Março é governado pelo Número 7

O Arcano Regente corresponde ao Carro ou Carruagem

 

O perído de 01/03 a 07/03  é governado pelo Número 7

O período de 08/03 a 14/03 é governado pelo Número 11

O período de 15/03 a 21/03 é governado pelo Número 9

O período de 22/03/ a 31/03 é governado pelo Número 1

 

Dias em destaque:

02/03 - Quarto Crescente

04/03 - Regente 11

09/03 - Super Lua

13/03 - Regente 11

16/03 - Quarto Minguante

22/03 - Regente 11

24/03 - Lua Escura

31/03 - Regente 11

 

Fica a saber o significado destes aspectos numerológicos nas próximas publicações.

 

Eva Veigas