Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Eva Veigas

Consultas de Numerologia e Tarot * Autoconhecimento e expansão da consciência

Consultas de Numerologia e Tarot * Autoconhecimento e expansão da consciência

Consulta de Tarot - Leitura Geral

0.jpg

Consulta de Tarot - Leitura Geral

Trata-se de um conjunto de lançamentos de Tarot que permitem obter uma leitura do estado actual da sua vida, nomeadamente no que diz respeito aos principais desafios ou dificuldades do momento que atravessa, bem como às respectivas orientações ou conselhos para que se possa reposicionar diante das escolhas ou decisões que precisa de tomar para prosseguir o seu caminho serenamente e em consciência.

Pode analisar-se qualquer tema. Mas por ser confrontada com muitas dúvidas por parte de algumas pessoas que procuram no Tarot uma orientação para as suas vidas, aqui ficam alguns exemplos de temas vistos em consulta: Relacionamento intrapessoal, Relacionamento interpessoal, Saúde, Prosperidade, Orientação para Carreira, Profissão ou Estudos.

 

Para agendamento e outras informações leia os Termos e Condições

Voltar à Lista de Consultas de Tarot

 

Semana Numerológica: 22/02/20 a 29/02/20

8.jpg

 

22 a 29 de Fevereiro – Semana 8 – Arcano 8 – A Força – Regeneração da Esfera Material

 

Elemento: Terra

Elementais da Terra: Gnomos

 

 

Ano 4 (2020) – Mês 6 (Fevereiro) - Semana 8 (22/02 a 29/02)

O aspecto mais forte ou evidenciado desta semana numerológica cai no próximo dia 23, o qual é marcado pela influência do Número 11 e da Lua Escura ou Lua Nova. Outro aspecto importante é a repetição do Número 2, no dia 22/02/2020, o qual volta a por em evidência as suas qualidades.

A semana tem como regente numerológico o Número 8 e o Arcano que lhe corresponde é a Força.

 

O Arcano Regente - A Força

8 Força.jpg

A Força é a oitava carta do Tarot (Raider Waite). Através dela compreendemos que é preciso aceitar de forma consciente o nosso corpo físico, o veículo que nos liga a esta dimensão terrena e material. Sabemos muito pouco do nosso corpo e do seu funcionamento, função e missão.

A consciência do corpo é arruinada por ilusões e fantasias e esta semana traz uma oportunidade muito boa para podermos começar a observar o nosso corpo físico com um novo olhar.

Sugiro uma meditação/exercício usando um cântico maravilhoso que afirma: “Terra meu Corpo, Água meu Sangue, Ar meu Alento e Fogo meu Espírito.” Meditar (se possível entoando este cântico/mantra) acerca do poder e significado destas palavras, transforma a percepção que temos sobre os nossos 4 corpos (físico, mental, emocional e espiritual).

Mas a Força traz-nos mais desafios importantes: ela recorda-nos da importância de conhecer, compreender e transcender os nossos instintos mais primários, mais básicos e primitivos. Para isso ela coloca-nos em contacto com os nossos três chakras inferiores, aqueles que nos ligam à Terra Mãe e ao mundo material; aqueles que tratam da nossa sobrevivência, da perpetuação da espécie e da dissolução da ilusão e do medo.

Quando em equilíbrio, os chakras inferiores ajudam-nos a evoluir e a progredir no mundo material de forma mais consciente e espiritualizada. As suas energias ao subirem através da coluna vertebral encontram-se com as dos três chakras superiores, no plexo cardíaco, para aí fazerem a sua dança, devolvendo-nos equilíbrio e autonomia, força e poder, amor-próprio e coragem para enfrentarmos os nossos desafios com honra e glória.

 

O Número 8 e o Poder de Materializar

8.jpg

 

O 8 é uma frequência muitíssimo intensa e poderosa, pois cabe-lhe o papel de tornar visível no mundo material, as aspirações, os sonhos e os ideais do nosso mundo interior. Para que tal se torne realidade – manifestação em acção -, precisamos de aprender a planear, a criar uma estratégia definida, embasada no mundo causal e seguir uma série de passos, até que a ideia, o sonho, o desejo, passe à acção e finalmente se torne visível no mundo das formas.

Além disto, o 8 também está relacionado com os períodos da colheita, e dessa forma podemos esperar, durante este período, receber os créditos pelo nosso investimento anterior. No entanto, podemos estar certos, de que se o nosso investimento ou semeadura assentou na nossa nobreza de carácter e numa profunda visão altruísta, então certamente a nossa colheita será proveitosa. Caso contrário, poderemos esperar um momento difícil onde a colheita poderá ser tudo menos prazerosa. Neste caso há que aceitar e reflectir acerca do que efectivamente nos moveu anteriormente e ao preparar a nova semeadura ou investimento, fazê-lo com maior consciência individual e colectiva, pois cada acto, pensamento ou acção, não nos atinge apenas a nós, mas também a todos os seres e a tudo o que nos envolve.

 

Trânsito Numerológico 4 – 6 – 8

O ano 4 (2020) que nos vem testar ao nível da estabilidade, que nos revela as bases e as estruturas sobre as quais assentam os nossos valores e princípios, as nossas vidas e as nossas escolhas, faz um aspecto ou trânsito positivo com esta semana 8, que nos impele não apenas para a frente, mas também para cima, num movimento espiralado e ondulante, levando-nos a dar um salto quântico e portanto bastante rápido.

Os Números 4 e 8 relacionam-se com os elementais da Terra ou Gnomos e por essa razão tudo o que fizermos em amor e por amor à Mãe-Terra e aos seus filhos, será certamente bem-vindo e trazido à vida, devolvendo-nos felicidade e paz interior.

Por outro lado a energia do mês de Fevereiro, governado pelo Número 6, forma um aspecto fluido com o regente 8 desta semana. Através das Águas de 6, poderemos levar as nossas ideias e projectos a bom porto.

Porém, o que for materializado, poderá diluir-se rapidamente se anteriormente não tiver ocorrido uma boa preparação/limpeza, pelo que o 6 nos convida a mergulhar nas suas Águas puras e cristalinas, com intenção de purificar e decantar os nossos estados emocionais densos, negros e distorcidos. Na prática é também um momento de limpeza para o corpo (limpeza de pele, desintoxicação alimentar, etc.) e para os espaços (habitação, local de trabalho, carro, etc.), para que nos possamos preparar para dar forma aos novos projectos ou novas experiências e aprendizagens.

 

Dia 22/02/2020 = 10:1

O 1 empresta uma nova energia para recomeçar o que quer que tenha ficado suspenso. É tempo de rever projectos, ideias, estratégias e/ou planos. É o momento de nos realinharmos com o propósito inicial ou de o reajustar ou melhorar.

O Número 2 aparece repetido cinco vezes nesta data, o que nos remete para um excesso ou domínio dos temas associados ao 2, como é o caso da híper sensibilidade, sobretudo para aquelas pessoas alinhadas na faixa de frequência do 2.

O dia é propenso a conflitos e confrontos, ofensas e mágoas, caso as pessoas não saibam gerir a própria energia, nem tenham consciência de si mesmas, das suas limitações ou das suas capacidades, o que pode desviá-las do propósito mais elevado do 10:1 (regente deste dia) - RECOMEÇAR.

Por outro lado, estarão em foco a necessidade de nos libertarmos das tensões geradas entre os deveres familiares e as obrigações profissionais e o direito ou a necessidade de descansar ou de buscar prazer através do que se faz. O eixo formado pela responsabilidade familiar e pela responsabilidade profissional fará vir à superfície o que precisa ser revelado e visto por cada um de nós, por forma a ganhar consciência das nossas reais necessidades e para que, uma vez conhecedores das mesmas, as possamos suprir.

Um dia de grande aprofundamento que coloca em evidência a polaridade do eixo espírito/matéria.

 

Dia 23/02/2020 = 11:2

Este é um dia com características especiais, dado que o Número 11 imprime um aumento de energia, inspirando-nos de formas inusitadas, levando-nos a revelar o melhor da nossa essência, assim saibamos aproveitar esta fantástica e renovada onda de energia que nos visitará algumas vezes ao longo do ano, interrompendo a sua jornada apenas nos meses de Agosto e Setembro.

Por outro lado a Lua Negra, convidar-nos-á a permanecer vigilantes e silenciosos, dentro e fora de nós, tornando assim este dia numa oportunidade única para meditar e reflectir profundamente acerca de quem somos, do que desejamos manifestar e de qual a melhor forma para o fazer. Devemos estar preparados para receber ideias originais, soluções geniais para problemas recorrentes ou transformar ideias semente em planos e projectos viáveis e exequíveis.

O último registo idêntico verificou-se no passado dia 24 de Janeiro deste ano.

 

 

Eva Veigas

Arcanos & Cia.

Numerologia & Tarot Semanal

Aprende a largar a tua pele!

85106550_136021664555653_8342843968114917376_n.jpg

 

 
"Nenhum estudante jamais realizará qualquer progresso no desenvolvimento espiritual se saltar de um sistema a outro, utilizando ora algumas afirmações do Novo Pensamento, ora alguns exercícios de respiração a posturas meditativas da ioga, para prosseguir depois com algumas tentativas nos métodos místicos de oração. Cada um desses sistemas tem o seu valor, mas esse valor só é real se o sistema é praticado integralmente."
 
Dion Fortune
 


Coloca o teu conhecimento, a tua experiência e os teus recursos ao serviço dos outros, mas apenas e só, quando sintas que estão suficientemente amadurecidos. Os frutos das árvores, quando são colhidos antes do tempo, têm um sabor amargo e geralmente não se podem comer. Falta-lhes o calor/a luz do Sol, que os amadurece e nos nutre/ilumina por dentro quando os ingerimos conscientemente.

Paralelamente, se distribuis conhecimentos ainda pouco enraizados em ti, pouco sentidos empiricamente, portanto ainda não amadurecidos e integrados, mais cedo ou mais tarde serás questionado pelos outros, que também podem cobrar-te por teres disponibilizado e oferecido um "serviço" amargo, pouco rigoroso, pouco trabalhado, pouco estruturado.

Para quê viver horas amargas se é perfeitamente possível trabalhar a paciência, a resiliência, aprender a esperar, permanecer diante de determinado assunto até o compreendermos por dentro e por fora?

Porque não sabemos esperar?

Porque queremos sempre provar algo a alguém.
Provar que também sabemos, que também somos capazes de fazer algo, porque queremos estar no controlo de todas as situações, sobretudo nos dias de hoje, onde é demasiado fácil "ficar para trás", não é verdade?

Quem é que nos ensinou a (querer) queimar etapas? Que competição disparatada é esta que queremos vencer? Acaso sabemos que género de prémio nos aguarda? E para que queremos o prémio? Para colocar na prateleira a ganhar pó? Para dizermos que um dia fomos vencedores disto ou daquilo?

O corpo perece. A alma não precisa de prémios. O teu corpo de luz muito menos, e todos os níveis que daí em diante experimentas não fazem a menor ideia do que seja competição. O que a tua essência presencia (ou vê, se preferires) é a luz brilhante e radiante da tua consciência pura, sintonizada com todas as outras consciências, ou com grupos de consciências, que trabalham para um mesmo fim e servem apenas a Luz Maior, o Amor Maior.

Portanto, aproveita o dia de hoje que é rico em oportunidades, rico em possibilidades; aproveita porque estás a respirar e se estás a respirar estás vivo (não sei se estarás vivendo ou se estarás na plateia a ver os outros viver) de maneira que aproveita bem este dia e leva contigo o que tens dentro, distribuindo apenas os frutos amadurecidos. Quanto aos restantes deixa-os amadurecer ao seu ritmo, de acordo com os ciclos da Natureza.

Permite que a transformação se dê, tal como nos ensina a Mãe-Serpente. Ela solta a pele, não a arranca.
Não arranques as coisas de dentro de ti. E quando soltares, é como se exalasses um suspiro... solta... agradece... sorri e continua o teu caminho, sem que todos precisem de saber o quanto sofreste (ou sofres), o quanto és bonzinho para toda a gente e depois ninguém te valoriza. Guarda para ti as tuas consquistas internas. Sorri para dentro de ti. Sorri para os deuses e deusas, sorri para a Terra e para o Céu, mas não te vanglories para fora, os outros não precisam disso e tu ainda menos.

Questiona o teu ser interno, busca as respostas dentro de ti. Estão todas lá aguardando que tenhas discernimento, força e coragem de adentrares as câmaras escuras da tua alma.

Amor e bênçãos no teu caminho

Eva Veigas
 
 

Imagem: David Clode

Local: Cairns aquarium, cairns city, australia

Legenda: This water python has just shed its old skin, revealing the beautiful new iridescent skin underneath. The Australian Aboriginal people have myths and legends about a rainbow serpent, and perhaps a sight like this inspired them.

Esta píton-d'água acaba de perder a sua antiga pele, revelando a nova e bela pele iridescente por baixo. O povo aborígene australiano tem mitos e lendas sobre uma serpente arco-íris, e talvez uma visão como esta os possa ter inspirado.

Honras e Bênçãos

A Todos os que vierem por Bem! Caminhemos lado a lado nesta jornada de autodescoberta, guiados pela Luz Divina. Tornemo-nos, a cada dia, mais e melhores humanos. Eva Veigas

Eva Veigas

foto do autor

Filha das Estrelas

A Terra é o meu Lar. Mas eu venho das Estrelas. Sou mais antiga que a Terra. Mais antiga que a Lua e que o Sol. Viajei entre Galáxias. Visitei outros espaços. Outras dimensões. Trago na Alma. A Sabedoria dos Tempos. E de outros lugares. A Terra é o meu Lar. Mas eu venho das Estrelas © Eva Veigas

A Cura Começa em Ti

Se não sabes por onde começar... começa por ti mesmo! Cura a tua criança ferida e curarás a tua mãe e o teu pai, as tuas avós, os teus avôs e os teus antepassados todos - homens e mulheres que pisaram a Terra antes de ti, que viveram e lutaram, que riram e derramaram lágrimas, que caíram no sono da morte, mas que deixaram a semente para que tu possas estar aqui hoje. - Eva Veigas - Cascais, 18 Dezembro 2019

A Numerologia

A Numerologia é uma Arte. Um instrumento sagrado que o numerólogo usa com Arte, Conhecimento, Sabedoria, Intuição e Amor, para descodificar e traduzir esta linguagem simbólica, composta de signos (números e letras) numa linguagem acessível para todos. A Numerologia não julga, nem critica, ela levanta o véu que cobre a nossa ignorância, acerca de nós mesmos, para revelar a nossa essência mais pura.

O Tarot

O Tarot é uma ferramenta sagrada, riquíssima de simbolismo, onde estão representados Números, Cores, Figuras, Objetos, Elementos, Flores, Árvores, Animais... É composto por 78 cartas ou lâminas, comummente designadas por Arcanos, os quais se dividem em 22 Arcanos Maiores e 56 Arcanos Menores. Os Arcanos Menores estão agrupados em conjuntos de 4 naipes, de 10 cartas numeradas de 1 (Ás) a 10, mais as respectivas Figuras da Corte (Pajem ou Valete, Cavaleiro, Rainha e Rei). Cada naipe corresponde a um campo ou esfera da vida humana: Paus (Fogo) - Esfera Espiritual; Copas (Água) - Esfera Emocional; Espadas (Ar) - Esfera Mental e Ouros (Terra) - Esfera Material.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Ma'at

~ ~ ~ ~ "Destas penas de avestruz da Dupla Verdade, tão delicadas que o mais subtil hálito mental pode agitar, pendem através das correntes da Causa e do Efeito, os pratos ou esferas onde o Alpha (o primeiro) e o Ómega (o último) , se equilibram. Não é possível deixar cair um alfinete sem provocar uma reacção correspondente em cada estrela." ~ ~ ~ ~ A. Crowley, O Livro de Thoth

Regra de Ouro

Nenhum estudante jamais realizará qualquer progresso no desenvolvimento espiritual se saltar de um sistema a outro, utilizando ora algumas afirmações do Novo Pensamento, ora alguns exercícios de respiração a posturas meditativas da ioga, para prosseguir depois com algumas tentativas nos métodos místicos de oração. Cada um desses sistemas tem o seu valor, mas esse valor só é real se o sistema é praticado integralmente." Dion Fortune

Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2014
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2013
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2012
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2011
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2010
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2009
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2008
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2007
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D
  222. 2006
  223. J
  224. F
  225. M
  226. A
  227. M
  228. J
  229. J
  230. A
  231. S
  232. O
  233. N
  234. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub