Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Eva Veigas

Medicina para a Alma

Eva Veigas

Medicina para a Alma

O Tesouro Interno e a Roda da Fortuna

tesouro.jpg

 

E a Roda gira... gira sem parar... já diz o povinho: Cá se fazem cá se pagam!


Este ano então é sempre a despachar não fosse o ano da Roda da Fortuna. E que grande Fortuna! Mas é só para quem tem olhos, ouvidos e demais sentidos sintonizados com o AMOR.

 

O AMOR Real e não as paixonetas, o AMOR Real e não o que lhe convém, O AMOR Real e não o "só te amo se tu me amares" ou "só gosto de ti se fizeres o que eu digo e se não fizeres és má pessoa".

 

A Roda gira, não se detém ante os "egozinhos" e as "pessoinhas" (graças a todos os deuses que assim é)!

 

A Roda gira, indiferente à passagem do tempo, às dores, sofrimentos ou limitações de cada um.

 

Quem tem ouvidos que ouça, quem tem olhos que veja... que veja através dos véus do seu próprio egoísmo e presunção, arrogância e prepotência.

 

Praticar a humildade nos dias que correm é coisa para poucos e esses poucos não precisam nem querem disso fazer alarde. A humildade, como tantas outras virtudes, está disponível para todos, mas nem todos estão disponíveis para a praticar, para a viver, para a sentir e experimentar nas mais variadas situações... mas depois são todos só luz e amor e tal... pois sim... continuam mergulhados na mesma falsa ilusão do ego. A diferença é que dantes escondiam-se atrás da religião, agora escondem-se atrás da falsa espiritualidade da New Age.

 

Moderno, agora, é dizer tudo e "mais um par de botas" em nome da Nova Era... como se soubessem o que isso é! A maior parte das pessoas conhece a palavra cooperação do dicionário ou então repetem-na à exaustão como papagaios.

 

A palavra-chave da Nova Era é Cooperação... ai e tal eu sou Aquário, tenho Úrano não sei onde, eu sou um 11 e um 22 e um 45, 5... dizem alguns com um grande orgulho e convicção, sem nunca terem estudado a fundo os seus mapas, não no papel, mas em si mesmos.

 

Sem perceberem que o caminho que estão a tomar está a levá-los ao mesmo sítio de sempre. A diferença é o cenário e a tecnologia, mas é mais do mesmo: pura ilusão! Continuam a não saber do que falam quando falam em Cooperação e muito menos em Nova Era ou Espiritualidade. Continuam com os mesmos medos e com as mesmas mentes, mas concluem que estão todos iluminados.

 

A Fortuna, (a Roda ou a Parte) nada tem a ver com caprichos do ego, nem com comprinhas no shopping, nem com a aquisição do último modelo do carro xpto, ou da casa na praia (até porque isto com os "tsunamis", tem de se ter cautela).

 

A Fortuna é um tesouro interno, mas não é um tesouro fácil de aceder ou de descobrir, é por isso que ele está escondido (oculto) no nosso interior. Se fosse no exterior já o teriam encontrado. Mas como ele reside no mais recôndito espaço das pessoas, e elas, por sua vez, não querem ter trabalho de partir pedra, de fazer mudanças, de desbravar caminho, de caminhar pelos próprios pés, de ferir as mãos, de encontrar o cajado interno que as apoiaria sempre e até ao "final" desse caminho, jamais o irão encontrar. agarrados ao ego, à ilusão, à mentira pessoal, agarrados como lapas às rochas, com medo que o mar os leve e lhes lave a alma.

 

E a Roda gira... e girará sempre, tal como os planetas giram nas suas órbitas, eternamente, sem parar...

 

#innertreasure #wheeloffortune #wakeup

Eva Veigas

Estudo de Tarot Semestral

Exemplo de um Estudo de Tarot realizado para 6 meses.

 

Este Estudo é constituído por 10 cartas que correspondem a 10 casas ou áreas da nossa vida.

Tem a particularidade de ser completamente personalizado, portanto não há textos previamente escritos nem existe nenhum programa de computador. Pode ter entre 10 a 12 páginas.

O lançamento é feito por mim, como em qualquer consulta de Tarot presencial, bem como a interpretação intuitiva dos Arcanos. São utilizados tanto os Arcanos Maiores quanto os Menores.

Encomendas e preços via email evaveigas@sapo.pt

 

Tarot Transmutação.jpg

 

 

Exemplo de um Estudo de Tarot Semestral

 

Período de 25/9/2017 a 24/3/2018

 

 

 

Síntese: 8 de Ouros – O que desejas?

 

Esta carta aparece com o propósito de te lembrar que antes de te lançares em qualquer desafio ou novo projecto por mais aliciante que pareça, é importante definires o que realmente desejas para ti. Mais do que traçar metas e objectivos é importante definires as tuas intenções. Assim os próximos 6 meses trarão a oportunidade para colocares o foco nas tuas verdadeiras intenções. (...)

 

 

1ª Casa – A Identidade ou o Código do Eu: O 2 de Copas – A Assertividade

 

Esta carta representa o “Eu” no momento da consulta e refere-se à necessidade de efectivar um compromisso contigo própria. Se o primeiro passo é definir e reforçar a tua intenção no momento presente, o segundo passo é selar essa decisão entre as tuas duas partes, aquelas que geralmente causam discórdia e desunião e te desvinculam das tuas nobres intenções.(...)

 

 

2ª Casa – A Saúde – O 8 de Paus – Liberdade e Entrega

 

O 8 de Paus revela que existem alguns pequenos obstáculos no que concerne à tua saúde. A saúde é sem dúvida uma das áreas que mais ocupa e preocupa as nossas mentes, não fosse ela a base que nos devolve energia, sustentação e equilíbrio para podermos viver as nossas vidas o melhor possível. (...)

 

 

3ª Casa – A Família – O 7 de Espadas – A Criança Interior

 

A casa da Família ocupa outra posição de destaque na nossa vida e com certeza o teu caso não será excepção. O 7 de Espadas revela uma dificuldade em equilibrar o essa área da tua vida com as restantes e isso está a desgastar-te e a impedir o livre fluxo da tua energia criadora e amorosa.

Precisas de te voltar para dentro e ir ao encontro da tua criança interior, para trazer o melhor de ti para a superfície. É tempo de regressar à inocência libertando os velhos do Restelo que habitam a tua mente. (...)

 

 

4ª Casa – Evolução Pessoal – O 4 de Espadas – O Casamento ou a União

 

A tua evolução pessoal está directamente dependente ou relacionada com o teu casamento. O casamento é uma união sagrada com algo ou alguém a quem ficarás ligada durante muito tempo. Aqui não se trata literalmente de um matrimónio, embora possa ser esse o teu caso. Aqui falamos de qualquer união que se encontra por demais desgastada e que te deixa exaurida, extenuada, sobretudo do ponto de vista da tua organização mental. Essa união, esse contrato, exige demasiado de ti, explora-te em todos os sentidos, pelo que este é o momento de avaliares essa situação bem de frente e sem medos. Lembra-te que há muitas oportunidades lá fora à tua espera. (...)

 

 

5ª Casa – Vida Afectiva – Valete de Paus – A Lei da Atracção

 

A tua vida afectiva está prestes a seguir um novo rumo. Poderás ter que seguir adiante e sozinha, atravessando o teu próprio deserto, porém nunca estarás efectivamente só, a não ser que seja verdadeiramente essa a tua crença interna. Lembras-te da intenção que criaste? Será que ela não está relacionada com este segmento da tua vida? O que criaste será manifestado, porque a tua energia de criação segue a intenção, mesmo que tu não consigas ver ainda os efeitos dessa manifestação. (...)

 

 

6ª Casa – Amizade e Relacionamentos Sociais – O 4 de Copas – Só o Amor cura

 

O campo da amizade e/ou dos relacionamentos sociais está preso devido à tua incapacidade temporária de expores as tuas vulnerabilidades. Há aspectos da tua personalidade, que desejas que desapareçam, que se evaporem. Que partes são essas que desejas castrar e evitar? Que parte de ti é tão negra e sombria que desejarias apagar? Essa partes que tanto desejas ocultar de ti mesma, estão à vista daqueles que te são próximos que por uma razão ou por outra te podem confrontar. Não receies ser confrontada, pois da discussão (das sombras) nasce a luz! (...)

 

 

7ª Casa – Carreira, Bens Materiais, Prosperidade – A Estrela . O Empreendedorismo

 

Esta área vai passar por uma grande revolução, pois o momento é de grande avanço e muitas oportunidades que tanto podem surgir de fora, como podes ser tu mesma a criá-las. És o guionista da tua própria história, recordas-te? Podes escrever uma história totalmente nova no que toca à tua vida profissional. Será muito adequado para ti avaliares a possibilidade de trabalhar por conta própria. (...)

 

 

8ª Casa – Os Desafios – O 10 de Copas – Dar e Receber

 

Os teus Desafios encontram-se na busca de equilíbrio entre o dar e o receber. Se não sabes fazê-lo podes propor-te aprender? O 10 de Copas revela que o maior desequilíbrio ou obstáculo neste momento, está relacionado com a gestão familiar. Há muitas emoções dispersas e tudo parece estar de cabeça para baixo. É preciso observar tudo isto a partir de uma nova perspectiva para que compreendas até que ponto é importante obter esta aprendizagem. (...)

 

 

9ª Casa – Mensagem Final – O Carro – Visualização Criativa

 

A tua Mensagem Final mostra-te que a tua vida está a avançar rapidamente para uma nova direção. A etapa seguinte será mais célere e eficiente caso tenhas em consideração todas as indicações dadas pelas cartas anteriores. Ajuda se sonhares acordada e se souberes usar uma técnica do género da visualização criativa ou outra que seja mais adequada para ti, para te ajudar a progredir mais rapidamente.

Um ciclo está a chegar ao fim e logo outro se apresenta diante de ti. Não deixes escapar nenhuma oportunidade para te tornares mais consciente de ti, (...)

 

 

 

Nota: Em hipótese alguma, a análise contida no Estudo de Tarot Semestral constitui orientação legal, financeira, empresarial, psicológica, médica, ou de qualquer outro tipo. Mais, não representa indicação, diagnóstico ou prescrição de tratamento de qualquer tipo, seja ele médico, mental, espiritual ou outro.

Qualquer dúvida ou sugestão acerca do Tarot Semestral, contactar através do e-mail evaveigas@sapo.pt

 

Conversas com Maghno-riah, uma Árvore no meu Jardim

 

Foto de Eva Vilela Veigas.

 

Olha para mim. Observa o meu troco, os meus ramos, as minhas folhas. Repara como me expando, cresço e ocupo o meu próprio espaço na Terra. Sente o pulsar da vida em mim. Observa a minha relação com as outras plantas que vivem e absorvem o mesmo ar que eu. Observa como as formigas, as borboletas, as abelhas, os pássaros e outros animais interagem comigo. Eu não me importo que eles me toquem, pousem nos meus braços ou se protejam do sol ou da chuva nos meus ramos.


Olha para mim. Eu balanço ao vento, conheço o seu poder e ele conhece o poder da terra onde as minhas raízes estão entrelaçadas.


Olha para mim. Firme e forte, porém flexível e elástica. Olha para mim. Eu não desisto pois tenho um só propósito: Ser!
Não importa como os outros me olham, se me julgam, se me comparam, se me dilaceram os ramos, se desdenham porque não dou frutos, ou se implicam porque se dou frutos, ora são azedos, ora são maduros de mais. Eu não me importo, pois eu apenas sou. Sou uma no meio de milhares de irmãs árvores.


Não cedas à tentação de te deixar intoxicar pelos pensamentos impuros dos outros, pela mesquinhez nem pela avidez humana, nem pela inveja ou por qualquer outro sentimento menos nobre.


Assume o comando e simplesmente Sê!

 

Eu sou Maghno-riah e vivo num não-lugar, no não-espaço e no não-tempo, a que tu chamas o teu jardim.

 

in Conversas com Maghno-riah, uma Árvore no meu Jardim

Amar sem limites

treelove.jpg

Experimenta dar onde normalmente estás habituado/a a pedir. Experimentar dar-te em amor por ti, sem esperares absolutamente nada em troca. Experimentar dar primeiro e em todos os momentos, respira, entra em contacto com o teu ser como um todo e não apenas com o corpo físico e prepara-te para receber incontáveis bênçãos, que só tu poderás apreciar, que só tu testemunharás, mas que te preencherão a níveis que antes não poderias imaginar.

Experimenta... não custa nada e além disso, podes sempre voltar à tua forma anterior de mendigar por amor, atenção ou qualquer outra coisa.

 

New Beginnings...

New beginings.jpg

 

Começar de novo, recomeçar, iniciar projetos novos, aliciantes, frescos é a proposta do Arcanjo Miguel para o dia de hoje.

A cada dia a vida oferece-nos novas oportunidades. O momento presente é isso mesmo, um presente, uma dádiva, uma oportunidade de criar ou recriar a nossa vida, a partir do zero, do nada.

As maiores descobertas foram detetadas a partir do nada, ou o que comummente as pessoas designam por “acaso”. Porém na vida nada é por acaso, muito pelo contrário. Nada no universo ocorre sem um propósito bem delineado, ainda que a nós nos pareça tudo bastante caótico. Neste ponto, a nossa natureza humana tende a impor ordem no aparente caos e é também neste ponto que nos deparamos, na maior parte das vezes, com um beco sem saída. O universo, a vida não é algo para se por em ordem. A vida coloca-nos constantes desafios e cabe a nós vivê-los, contornando-os, como disse Augusto Cury, referindo-se à sabedoria da água: a água nunca discute com um obstáculo, simplesmente o contorna.

Portanto, eis ante nós, diariamente, eu diria mais, momento a momento, a oportunidade de contornar os desafios, vencendo-os, um após outro, criando a e recriando as nossas experiências, com alegria, dinamismo, vibrantes e com uma vontade superior no comando do nosso Eu.

 

Desejo a todos bons começos!

Eva Vilela Veigas

Pág. 1/3

Eva Veigas

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

  •  
  • Exercícios e Orações

    Numerologia: 2018

    Numerologia

    Significado dos Dias de Nascimento

    Runas

    Tarot

    Videos

    Cursos / Ws Realizados

    PARTICIPAÇÕES ESPECIAIS:

    •  
    •  

    Entrevistas

    Parcerias

    Sapo Astral Vídeos

    Sapo Desporto

    Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2008
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2007
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2006
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D