Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

𝓔𝓿𝓪 𝓥𝓮𝓲𝓰𝓪𝓼

Arqueóloga da Alma

𝓔𝓿𝓪 𝓥𝓮𝓲𝓰𝓪𝓼

Arqueóloga da Alma

Semana Numerológica: 08/10/16 a 14/10/16

stairs.jpg

Depois de um fim-de-semana a mergulhar na mais comum das realidades, é hora de falar do momento atual em termos numerológicos. A presente semana numerológica teve início no passado dia 8 e prolonga-se até ao próximo dia 14. Encontra-se sob a regência do Número composto 28 cuja redução nos leva ao Número raiz 1, não sem antes passar pela peneira do 10 - o Número da Perfeição Divina.

 

Assim: 28 = 2+8 = 10 = 1+0 = 1

 

O 28 lembra-nos da necessidade de criar um vínculo forte e generoso com a terra que pisamos a fim de podermos materializar as nossas necessidades. “A necessidade é mestra de engenho”, diz o povo e é bem verdade, pois dos sentimentos nascem as emoções e os desejos e daí até chegar à materialização daquilo que sonhámos, vai um passo, maior ou menor, consoante o nosso empenho e determinação.

 

Quanto mais ancorados estivermos e quanto mais formos capazes de aprender a permanecer nessa frequência, mais capacidade teremos de contribuir com as nossas construções que visam melhorar o mundo – não apenas o nosso, porque o 8 é um número que abrange infinitos mundos dentro de mundos, onde cabem todas as perceções da realidade, onde cabe toda a vastidão do cosmos; portanto, as nossas construções hão-de servir para melhorar o mundo de todos os habitantes deste planeta. Consequentemente, e em escalas cada vez maiores (escala cósmica), todos os planetas, todos os sóis e todas as galáxias hão-de absorver essa energia, pois nada no cosmos é estático, bem pelo contrário, de modo que a mais ínfima partícula de poeira há-de sentir o nosso esforço a reverberar pelo universo.

 

Cada ação nossa por infinitamente pequena que seja, irá sempre ressoar com algo nesta e noutras realidades, portanto, em vez de buscarmos respostas como loucos, em vez de exigirmos explicações para tudo e para nada, talvez tenha chegado a hora de avaliarmos as nossas ações e de começarmos a fazer as perguntas adequadas a nós mesmos!

 

O que é que me move? Qual o contributo que estou a oferecer a mim mesmo e ao mundo? Quero tanto ter uma missão especial e diferente, quero tanto salvar/mudar os outros e o mundo à minha imagem e semelhança (lembrem-se que somos como deuses, nós criamos realidades!) porque não dar uso a essa missão e torna-la mais ajustada à realidade pela simples observação da minha conduta? Porque não sair desse mundo de fantasia onde tudo é feito e ajustado à minha maneira, ao meu ego mesquinho e pequeno? Serei assim tão perfeito?! Ou estarei a ser arrogante ao ponto de achar que só eu estou certo?

 

Que tal começar a contribuir efetivamente para o bem-estar comum? Quando contribuo para o todo, estou a contribuir para mim mesmo, porque eu faço parte desse todo! Quando eu mudar o mundo mudará… é uma das Leis Universais mais poderosas que conhecemos!

 

Então permitamo-nos adentrar o portal 2 (de 28) e deixemo-nos conduzir pela Grande Deusa, a Grande Mãe que nos ajuda a penetrar nos Mistérios da Natureza humana e da sua expressão terrena, através das emoções que sentimos. Penetremos nestas nossas velhas conhecidas emoções com uma energia nova. Observemo-las com refrescado vigor, como se as estivéssemos a sentir pela primeira vez e tiremos as nossas próprias conclusões.

 

O 8 (de 28) irá mostrar-nos os passos que devemos dar para seguir em frente neste propósito que é viver mais uma vida na Terra, como todos os obstáculos próprios desta aprendizagem, com todos os desafios inerentes a cada encarnação!

 

Simultaneamente outros portais se abrem (eu disse-vos: são mundos dentro de mundos) e o 10, o Número da Perfeição Divina, é mais um desses Portais evolutivos.

 

O 10 representa a purificação emocional, portanto este período específico nesta semana, aguarda que ganhemos um pouco mais de consciência a nível celular e que compreendamos onde reside a nossa toxicidade, onde está guardada, de que forma a nutrimos, como nos deixamos abater pelo mundo exterior, como possibilitamos a entrada de energias que nos são prejudiciais e as deixamos sobreviver dentro de nós. É como dar guarida a um ladrão dentro da nossa habitação e ainda o alimentarmos, e velarmos por ele!

 

Este é momento de convidar as energias supérfluas, as energias estranhas ao nosso Ser, a saírem do nosso Templo Sagrado, do nosso Coração, das nossas células e com elas sairão camadas de densidade que albergam os julgamentos, preconceitos, as crenças negativas, os impedimentos e os bloqueios de toda a espécie.

 

Porém devemos fazê-lo em plena energia amorosa, com amor por nós, honrando cada escolha do passado, compreendendo em níveis mais e mais profundos que tudo aconteceu para o nosso maior Bem, que tudo teve um propósito e que nada foi por acaso; devemos respeitar a nossa faísca divina e não confundir a Vontade Divina que é expressa através deste veículo humano com os caprichos e as birras do ego.

 

Devemos fazer este trabalho de forma consciente e gradual, cientes da nossa respiração, das nossas funções orgânicas, sensoriais e extra sensoriais. Todas as nossas capacidades devem trabalhar a par e para um mesmo objectivo: ascender ao próximo patamar de consciência!

 

Todo este trabalho nos conduz ao nosso conhecido Número 1, famoso pela sua capacidade de experimentar o novo, de trilhar caminhos completamente desconhecidos, com firmeza, como que seduzido pelo encanto da própria antecipação!

 

O que estará do outro lado? Que magníficas descobertas nos aguardarão? Quem ou o quê iremos encontrar?

 

Os Tesouros estão reservados apenas para aqueles que tiverem a capacidade de enfrentar os obstáculos do caminho e a coragem de não desistir!

 

Continuação de uma excelente semana.

 

Em Profunda Comunhão com a Vida

Amando aquele que não se deixa amar!

 

Traduzindo… para quem faz logo juízos  “Amando aquela parte de mim que não se permite dar nem receber; logo, não se deixa amar por mim!”

 

By Eva Veigas

Numeróloga Transpessoal

Partilha de Conteúdos e Créditos de Imagem

Partilha de Conteúdos - Por uma questão de respeito pelo meu trabalho, a partilha dos conteúdos deste blog deve ser sempre feita através do link da publicação e com referência à sua autoria. "NÃO FAÇAS AOS OUTROS O QUE NÃO QUERES QUE TE FAÇAM A TI!" - Grata pela tua compreensão. / Créditos de Imagem - As imagens que ilustram as publicações deste blog são da minha autoria ou de bancos de imagens gratuitas: https://unsplash.com/ - https://pixabay.com/pt/ - https://kaboompics.com/ - Caso seja detectada alguma imagem que não esteja de acordo com os critérios acima mencionados, agradeço que me contacte e a imagem será de imediato removida.