Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Eva Veigas

Medicina para a Alma

Eva Veigas

Medicina para a Alma

7 – O Regente de Setembro 2014

 

 

“Se quiseres manter o teu espírito desperto, medita è beira de um rio, depois de teres feito o vazio dentro de ti, com as pernas cruzadas, de olhos fechados, apenas atento ao ruído da água batendo nas rochas. Depressa o rio deixará de estar fora da tua consciência. Passa a fazer parte dela, assim como o sangue corre pelo corpo. O movimento da água torna-se mais vivo, mais luminoso. Todo o teu ser é invadido por uma presença misteriosa. É o espírito que em vagas douradas escorre do teu espírito.”

 

Sabedoria Ameríndia

 

 

 

Setembro surge na sua plenitude sob a influência da mágica e poderosa energia do 7.

Antes de mais convém lembrar que a regência de Setembro se encontra alinhada com a regência do ano universal 2014, que também é 7.

Para aqueles que estiverem a viver um ano pessoal 7 este é um mês particularmente forte e especial, pois os três 7 formarão um aspeto benéfico sobre os seus protegidos, em todas as áreas da sua vida.

A propósito e por mera curiosidade, Setembro deve o seu nome à palavra latina septem (sete), dado que era o sétimo mês do calendário romano, que tinha início em Março.

O 7 é o deus da Sabedoria, Senhor dos Tempos e das Coisas Ocultas. Sob a sua influência e durante este mês seremos estimulados a descobrir e usar a nossa sabedoria interna a cada instante.

A sabedoria não pode nem deve ser confundida com conhecimento.

A sabedoria vem da alma enquanto o conhecimento vem dos livros.

Ser sábio, ou tornar-se um sábio, é uma tarefa árdua que pode durar vidas inteiras de entrega e devoção, no entanto, em algum momento de um qualquer instante da eternidade, manifestaremos a vontade ou o desejo de nos iniciarmos nesta senda em busca da nossa própria luz interior.

Os momentos, curtos ou longos, regidos pela energia do 7, são todos favoráveis e propícios a que essa vontade se manifeste.

Tudo pode começar por uma simples frase que lemos num livro, um filme a que se assistiu, um acontecimento marcante na nossa vida, etc.. A verdade, é que fosse o que fosse, o que esteve na base desse chamamento, certamente nos revelou, por breves instantes, memórias antigas de um passado distante em que a nossa relação com a Natureza era completamente diferente daquela que temos agora.

Nem todos os caminhos têm que forçosamente passar por experiências místicas, é certo, porém todos aqueles que atingem um grau de sabedoria, que se evidencia naturalmente, sem imposição do ego, acabam invariavelmente, por manifestar um certo misticismo, uma vez que possuem um profundo e vasto conhecimento acerca do funcionamento do Universo e de tudo o que ele contém. Além disso demonstram manter um relacionamento harmonioso e íntimo com todos os seres vivos, revelando sempre, sob qualquer circunstância, uma natureza gentil e humilde, mas ao mesmo tempo, firme e poderosa.

Sendo assim, é possível que muitos de nós possam, durante este mês de Setembro, sentir um apelo para iniciar o caminho em direção à sua mestria pessoal.

No entanto, há que recordar que os desafios do caminho são muitos e perigosos. Será necessário manter-se atento para que não se transforme num arrogante espiritual, num fanático religioso ou num vendedor de banha da cobra.

Sob a influência do 7 há uma forte tendência para controlar a experiência através da mente pensante, que julga tudo saber. Lembre-se que a mente precisa de treino, caso contrário, seremos levados nas asas da ilusão habilmente criada pelo ego, o que nos poderá sair bastante caro, em termos de evolução espiritual.

Lembre-se que a espiritualidade do 7 choca muitas vezes de frente com a sua racionalidade, pelo que cabe a nós unir estas duas polaridades, extraindo a sua essência, no sentido de vivermos de forma mais feliz, equilibrada, plena e inteira.

A energia deste mês é tão forte e poderosa que muitos de nós poderão sentir-se capazes de fazer o impossível o que poderá criar um grande desagaste, quer mental quer físico, pois na verdade, será muitas vezes o ego inflamado, a dificuldade em assumir que não somos super-homens ou supermulheres, que nos levarão ao limite das nossas capacidades.

Portanto, relaxe. Acalme a sua mente. Aproxime-se gentilmente do seu coração, aninhe-se nele e medite profundamente de modo a sentir-se uno com essa energia amorosa e delicada. Ouça o seu coração e em seguida aja de acordo com ele.

Eva Veigas

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

  •  
  • Exercícios e Orações

    Numerologia: 2018

    Numerologia

    Significado dos Dias de Nascimento

    Runas

    Tarot

    Videos

    Cursos / Ws Realizados

    PARTICIPAÇÕES ESPECIAIS:

    •  
    •  

    Entrevistas

    Parcerias

    Sapo Astral Vídeos

    Sapo Desporto

    Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2008
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2007
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2006
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D