Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Eva Veigas ~ Terapeuta Holística

The Way of Silence

Eva Veigas ~ Terapeuta Holística

The Way of Silence

03
Ago16

Numerologia Agosto 2016

Eva Veigas

dream.jpg

 

Mês 8 em Ano 9

 

Regente Numerológico de Agosto – 17:8

 

O Regente Numerológico do mês de Agosto é o vibrante e dinâmico Número 8 e o Elemento que lhe corresponde é a Terra. Este regente numerológico é a redução de 17, um poderoso fabricante de sonhos, cuja natureza interna é mental, mas cuja expressão externa é puramente prática.

 

Portanto, de certa forma, poder-se-á afirmar, que o campo onde estes sonhos tomam forma na mente do homem, pode e deve manifestar-se, concretizar-se, dado não haver aqui qualquer energia passível de o transportar para mundos e ideias fantasiosos ou utópicos, o que impossibilitaria a exequibilidade do que o homem sonha.

 

No mês anterior tivemos a oportunidade de sentir e experimentar (sobretudo para queles que se encontram mais “despertos”, mais atentos, mais focados, que andam em busca de respostas, que se consideram verdadeiros investigadores da natureza humana e espiritual de tudo o que nos rodeia) as maravilhas das nossas criações mentais.

 

A esse propósito escrevi o seguinte: “O Senhor do Ar é responsável pela forma como os pensamentos e as ideias são difundidas entre os humanos, e pela forma como se processam as trocas energéticas do Plano Mental, entre os humanos e a Natureza.

 

Sempre que pensamos em algo, criamos, consciente ou inconscientemente uma forma-pensamento. Essa forma-pensamento fica registada no nosso campo electromagnético, irradiando uma determinada vibração, cuja intensidade e duração varia de acordo com o tempo que dispensamos a cada um desses pensamentos.”

 

Parece-me tão clara a ligação que os Números fazem de mês para mês, como que a preparar-nos para as etapas seguintes, sempre a pedir que fiquemos atentos, a sentir as experiências, a vivê-las, verdadeiramente, na primeira pessoa e depois então, se quisermos, a analisar o impacto que tudo isso causa nas nossas vidas diárias.

 

Cada lição aprendida e integrada faz-nos saltar automaticamente para o patamar seguinte. Quanto mais resistirmos às nossas aprendizagens mais tempo ficaremos com aquela velha sensação de que nada muda, de que tudo está sempre como antes, de que não evoluímos, etc.

 

E é de facto assim, até decidirmos abrir os braços às novas experiências que vêm ter connosco todos os dias, à espera que o aluno esteja pronto.

 

Portanto, fica claro que somos nós que nos temos que aprontar, que nos ajeitar, para que o Mestre apareça, se “materialize” e surja na nossa vida para nos passar a sua lição, para nos testar, para nos ajudar e não para nos penalizar, como tantos de nós ainda pensam.

 

Com certeza se recordarão, de que Julho era um mês onde muitas ideias e planos poderiam surgir e também se lembrarão de que não seria um mês muito apropriado para colocar de imediato essas ideias em prática.

O que sucedeu em Julho foi um momento onde as sementes dessas ideias (7 – Elemento Ar) começaram a germinar, ficando a aguardar serenamente o momento em que poderiam começar a ganhar consistência e onde gradualmente poderão ser lançadas à terra (8 – Elemento Terra), a fim de ganharem estrutura e corpo.

Portanto este é um mês para deitar mãos à obra e procurar ser mais eficaz do que perfeito.

Acima de tudo há que ser perseverante, determinado, corajoso e responsável.

Para aqueles que conseguiram fazer desmoronar a Torre interna, que era na verdade, a efectiva proposta do mês de Julho, é tempo de olhar tudo a partir de um novo nível de consciência e de saber.

 

É importante analisar bem as causas do período de instabilidade que tem vindo a experimentar, se quiser começar a trabalhar num novo sentido, se quiser de facto, começar a construir um novo presente. Para isso pode precisar de ir rapidamente ao passado. Porém, não se demore muito por lá, apenas o tempo suficiente para tirar a aprendizagem necessária – não é bom ir ao passado para reviver memórias daquilo que o fez feliz ou infeliz, pois nada disso já tem vida, tudo isso está morto, já passou, não traz nada de volta, nem é suposto trazer; traga apenas à consciência presente as conclusões, as lições que precisa para tomar novas decisões e seguir em frente na sua vida, de acordo com a nova síntese que surgiu dessa viagem ao passado.

 

Dessa forma poderá usar em pleno e a seu favor o ponto fraco deste mês, que é o número 67.

 

Ante esta influência não deverá permanecer passivo, nem ceder às suas tentações, pelo contrário, deverá mesmo contrariá-las e aprender a fazer das suas fraquezas, as verdadeiras forças que o ajudarão a atravessar o aspecto mais difícil deste mês.

 

Atitudes impensadas e comportamentos desadequados ante os desafios que terá que enfrentar terão um preço alto a pagar (demasiado alto, em alguns casos), dado que o Regente 8 tem por principal característica aumentar e amplificar todo o tipo de experiências sejam elas, por si classificadas, de boas ou de más.

 

É importante tomar atenção a todo o tipo de excessos e aprender a cuidar mais de todos os aspectos da vida que necessitem de harmonização e equilíbrio, dado que justamente este é também um mês de férias por tradição e portanto um período em que por vezes temos tendência a exceder-nos em demasia com a justificação de que merecemos tudo depois de um ano de trabalho. Mas cuidado… porque para o 8, tudo, é tudo MESMO!

 

Este aspecto mais difícil de Agosto representa um momento de preparação para assumir novas responsabilidades e enfrentar novos desafios, superando obstáculos de forma a ser possível progredir e evoluir.

 

Só entendendo estes aspectos mais difíceis será possível atingir um novo patamar de estabilidade e de mais e maior equilíbrio nas diferentes esferas da nossa vida.

 

Já o aspecto positivo do mês é regido pelo número 101, o qual nos impulsiona a agir, não sem antes nos questionar acerca dos motivos que nos levam a empreender essas mesmas acções e do que pretendemos obter com esse trabalho.

 

Isso implica permanecermos receptivos a cada mudança que se faça sentir no nosso dia-a-dia. Implica buscar a sabedoria que reside no nosso ser, implica justamente usar a natureza interna de 17 – a natureza mental - elevando a nossa mente inferior, tornando-a permeável à Mente Superior, preparando aquela terra infértil e seca num terreno arável, ajustado para cocriar com o Universo, com a Vida, sem medo de errar.

 

O ponto forte do mês, ajudar-nos-á a dar início às novas etapas, aos novos objectivos, a colocá-los de pé, a projectá-los, a dar-lhes a força e o impulso necessário para que ganhem vida e se estabeleçam a partir de uma base estável e duradoura.

 

Para além deste aspecto favorável, poderemos ainda contar com a essência do mês.

 

A essência 84 indica a necessidade de criação de método e disciplina, de levar a sério aquilo que estamos prestes a trazer ao mundo, seja a nível pessoal, familiar, profissional ou outro.

 

Sabendo que somos nós, os únicos responsáveis pela ideia que germinou e pelo momento em que decidimos colocar em marcha o que sonhámos, precisamos de criar um espaço dentro de nós que nos permita ter disponibilidade para esse trabalho.

 

Mas precisaremos também de ser dinâmicos e combativos e assegurar-nos de que não escorregaremos para o abismo deste mês, que é onde moram a preguiça, a indolência, a procrastinação, a dormência e a imaturidade.

 

Sempre que um desses sinais surgir é sinal de que saímos do nosso próprio processo criativo, é sinal de que estamos a abdicar do nosso poder pessoal e portanto teremos que ser mais fortes do que o nosso ego.

 

 Desejo a todos um excelente mês de Agosto!

 

Para saber mais acerca do seu ano pessoal e respectivas vibrações numerológicas para cada mês, tem à sua disposição uma consulta de numerologia específica para este efeito.

Para mais informações envie um email para: evaveigas@sapo.pt

 

 

Em Profunda Comunhão com a Vida!

Eva Vilela Veigas

Hawwah

 

Bênçãos! Se chegaste até aqui é porque escutaste o chamado da tua alma!

Convido-te a navegar por este espaço. Se gostares fica e subscreve o blogue. És muito bem-vindo/a.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Consultas / Terapias / Retiros Individuais

Numerologia Karmica, Tarot, Tarot Karmico, Oráculos, Cura Xamânica*, Meditação Guiada*, Cura e Resgate da Criança Interior*, Cura da Criança Lunar e Solar* *apenas sessões presenciais

Consultas online

Find us on Facebook

Partilha e difusão de conteúdos

Agradecemos a partilha e difusão de conteúdos, desde que sejam salvaguardados os devidos créditos da autora do blogue e demais fontes por ela citadas.

Consultas / Terapias / Retiros Individuais

Consultas

Cursos / Ws

Textos de Apoio

  •  

Artigos Numerologia

Dias de Nascimento

Ano Universal

2017

2016

2015

2014

2013

2012

2011

2010

2009

PARTICIPAÇÕES ESPECIAIS:

  •  

Entrevistas

Parcerias

Sapo Astral

Sapo Desporto

Tertúlia

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D