Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

The Way of Silence

by Eva Veigas

The Way of Silence

by Eva Veigas

Mais sobre mim

Sessões

Numerologia, Tarot, Leitura de Oráculos, Massagem, Resgate e Cura Vibracional, Prática Xamânica, Cura Intuitiva.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

♥♥♥

Facebook

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
29
Jul15

Sequências de Números, Números Repetidos, Números Espelho

Eva Veigas

11.jpg

 

 

Quando reparamos em determinadas sequências de números, como por exemplo: capicuas, números repetidos, números espelho, seja nas horas, nas matrículas, nos documentos, nas senhas do supermercado, etc. estamos apenas perante uma chamada de atenção, é o que nós chamamos um sinal.

Fomos nós que decidimos, há muito tempo, criar um conjunto de sinais em forma de código, usando uma linguagem numérica, que acaba por ser acessível a todos. Sabíamos que ao reparar constantemente nos mesmos números durante um determinado período de tempo, isso prenderia a nossa atenção. Iríamos querer compreender para lá da simples informação que os números mostram, como é o caso das horas, iríamos querer saber a razão que se esconde por trás desse simples facto.

E estávamos certos! Já repararam que o facto de estarmos sempre a ver estes números nos está a levar mais longe?

Que nos perguntamos a todo o momento qual o verdadeiro significado dos números (parece tolice... então não queríamos apenas saber as horas? Ou que dia é que iremos ter determinado compromisso? Ou qual o número do documento que precisamos entregar ou assinar, etc.?

Mas porque é que reparamos mais nuns números do que noutros?

E porque é que de repente passamos a ver outros números e deixamos de ver os anteriores?

Como sabem os números pertencem a faixas vibratórias distintas. Ora nós ressoamos precisamente com a energia que nos faz falta para nos cumprirmos, portanto é lógico que reparemos nos números que vibram nessa mesma energia de que necessitamos.

Por exemplo: se precisarmos de trabalhar a nossa tolerância e compaixão é natural que reparemos muitas vezes nos números 11, 111, 1111 ou em números terminados em 11; e também na sequência 11:11 (caso das horas) ou 11-11 (caso das matrículas), só para dar alguns exemplos.

Mas também pode ser que estejamos a duvidar das nossas capacidades de ver para além do evidente, do imediato, de ver mais além, de ver através de... no fundo, temos medo de acreditar que temos uma visão mediúnica, temos medo de aceitar que isso é natural e então estabelece-se uma dúvida em nós, pois não queremos ser arrogantes mas a verdade é que vemos ou melhor "sabemos" que determinada situação vai acontecer ou vai ter determinado rumo. Então também é possível que nesses momentos de "crise" onde as dúvidas nos assolam, passemos a ver - até entender a mensagem - as mesmas sequências do 11, 11:11, etc.

Ora quando finalmente entendemos a mensagem, estamos prontos para a integrar e fazer uso dela (um bom uso de preferência). Nesse caso, poderemos começar a reparar noutras sequencias, por exemplo, 33, 03:33, 03:30 ou números terminados em 33.
O 3 está relacionado com a criatividade plena e a alegria de possuir e reconhecer o nosso dom. O 33 está sincronizado com as possibilidades de criar infinitas soluções para diversos desafios pois o poder de criar encontra-se dobrado.

Então pegando no exemplo que dei mais acima - trabalhar o nosso dom de visão interna - podemos deduzir que alguém que aceitou o seu dom com coragem e alegria, e que aprende com ele todos os dias a ser um pouco mais tolerante, pode agora usá-lo sem medo de falhar, pois sabe que não há como errar, isto é, pode finalmente expressar ao máximo a sua maravilhosa e ilimitada criatividade. De cada vez que repara no 33 é como se a vida estivesse a dizer: não páres, segue em frente, sorri.

28
Jul15

Semana numerológica de 1 a 7 de Agosto 2015 - Regente 16:7

Eva Veigas

 

rcgorman01.jpg

 

 

“Quando um determinado número de pessoas tiver fé suficiente para mudar este cenário, todas as outras pessoas – em todas as partes do planeta – serão beneficiadas por esta mudança.”

 

Paulo Coelho in “Na Margem do Rio Piedra Eu Sentei e Chorei”

 

 

O Regente deste período é 7 (redução de 16). Esta vibração energética emanada pelo Número 7 religa-nos aos planos mais subtis e intuitivos com os quais nos podemos sintonizar sempre que quisermos.

 

É uma semana preciosa na medida em que é a única durante todo o ano 2015 a coexistir com um mês que está sob a mesma regência. É importante, para quem sentir, ler acerca do regente numerológico do mês de Agosto, para entender melhor o significado desta semana numerológica.

Também é a penúltima semana sob esta regência, este ano. A última será em Setembro.

 

É tempo de nos alinharmos com o nosso poder psíquico e de o usarmos para o nosso bem. A mente não é uma coisa má. Por vezes é mal usada e mal gerida. É como uma empresa mal administrada. Perde-se imenso tempo com pensamentos que geram divisão interna e externa, pois produzem conflitos de vária ordem.

O objectivo é precisamente aprender a harmonizar esses conflitos internos que muitas vezes nos conduzem a escolhas e caminhos difíceis que poderiam ser evitados se estivéssemos mais atentos ao que pensamos, verbalizamos e em que vibração se encontra o nosso coração, quando emitimos a nossa própria energia.

 

Se não estivermos vibrando em alegria, harmonia e equlibrio dentro do nosso coração, o mais provável é produzirmos energias dissonantes em nós e à nossa volta, o que obviamente irá afectar as pessoas que amamos. É preciso não esquecer que afectamos não só as pessoas que conhecemos, mas também todas as que não conhecemos. Contaminamos o ambiente, os animais, as plantas e o próprio ar que respiramos, com a nossa raiva, o nosso ódio, a nossa dor… É preciso cuidar dos pensamentos e da energia que os acompanha.

 

Esta semana é excelente para iniciarmos novas abordagens de ser e de estar na nossa própria vida. A nossa presença neste planeta não é ao acaso. Fomos escolhidos e escolhemos estar aqui. Façamos por merecer este estágio, contribuindo com a nossa luz, com a nossa sabedoria, com a nossa entrega irradiando alegria e infundindo paz neste planeta e em tudo que ele contém.

 

Banhemos o nosso Ser em águas perfumadas com as nossas poderosas essências e tudo à nossa volta será perfumado em Amor.

 

28
Jul15

Agosto 2015 - Regente Numerológico 16:7

Eva Veigas

gorman_43987_2.jpg

 

 

Análise Numerológica para Agosto 2015

 

 

“O guerreiro sabe que a intuição é o alfabeto de Deus, e continua a escutar o vento e a falar com as estrelas.”

 

Manual do Guerreiro da Luz

 

 

16:7 – O Regente de Agosto 2015

 

 

O Regente de Agosto é 7 (redução de 16). Esta vibração energética emanada pelo Número 7 religa-nos aos Planos Mentais e às esferas superiores relacionadas com a Mente de Deus.

 

É preciso trabalhar a nossa clareza mental de forma cada vez mais profunda. É preciso abrir a nossa mente a novas possibilidades. Entre aquilo que a mente consegue conceber e aquilo que é possível manifestar vai uma pequena distância, porém para a maioria de nós isso não passa de pura ilusão ou utopia. A verdade é que tudo o que o homem concebe é passível de ser concretizado e o o mistério que o 7 revela é que não é preciso que o lapso de tempo entre uma coisa e outra seja gigante.

Noutros tempos, sabemos que foram necessários, por vezes séculos, para vermos materializado o sonho de alguém. Referimo-nos as essas pessoas, como aqueles que viveram à frente do seu tempo… Interessante!

Como pode alguém viver à frente do seu tempo? Não seriam antes os outros que viveram numa cegueira tal (amedrontados pelas circunstâncias), que não se permitiram experimentar?

 

Enfim… vivemos tempos novos e maravilhosos, onde tudo é possível experimentar e experienciar. Aproveitemos então este convite do 7 que nos assegura que sempre que elevamos os nossos pensamentos, envoltos numa fé inabalável, porém não cega, poderemos fundir-nos com a mente superior (ou com o nosso Eu Superior). Nesse estado é possível receber todo o tipo de informações através da nossa visão e audição internas.

 

Tudo é possível neste aqui e agora, mas é preciso confiar, acima de tudo em nós. É preciso recordar que em nós residem todas as respostas, todas as soluções para os nossos infindáveis quebra-cabeças. Porém é preciso recordar que isso não se ensina. Tem que ser através de um esforço da nossa própria vontade. É preciso querer evoluir. É preciso estar aberto à transformação interior e é preciso aceitar que já temos as condições necessárias para contribuir, cada um a seu modo e ritmo para o Bem da Humanidade.

 

A vontade de dar início (1) a novos projectos somada à sensibilidade e harmonia (6) com que se quer começar esta nova etapa dentro do grande ciclo que se está a fechar, irá levar-nos para patamares que o ser humano nunca experimentou.

 

Há que confiar e ser constante (1) no meio das tempestades da vida, mantendo a criatividade em níveis um pouco acima da média para poder levar a cabo os nossos intentos e por outro lado é preciso abandonar as velhas crenças relativas ao perfeccionismo e aos ideais impossíveis de realizar (6). É preciso assentar bem os pés na terra e esta frequência 16:7 não é a que mais nos ajuda a fazê-lo, portanto é necessário dar uma atenção redobrada ao nosso ancoramento diário.

Há que permanecer isento dentro da nova realidade que se está instalando. Por isento eu quero dizer que quem estiver a querer obter benefícios para si próprio, não chegará muito longe, pois essa atitude corresponde à velha energia – aquela que todos conhecemos tão bem.

 

É tempo de fazer escolhas diferentes e vincar bem aquilo que se quer. Queremos avançar juntos em prol de um Bem Maior? Não temos que esperar uns pelos outros… basta que a nossa intenção seja clara e definida, que nos aceitemos como somos, com as nossas características particulares, e que, obviamente, aceitemos os outros, com as suas fantásticas diferenças.

 

Se fôssemos todos iguais, o mundo seria imensamente monótono.

 

Este mês é então indicado para colocarmos em prática, os nossos conhecimentos, por um lado, e por outro para nos propormos a aprofundar mais as nossas aprendizagens, sejam elas de que nível for.

 

Estudar, aprender, ensinar, partilhar são palavras-chave para este mês de Agosto. Porém há que saber dosear esta vibração 7, pois ela absorve muita energia mental, portanto, devemos intervalar os estudos com momentos de repouso, sobretudo da mente. Fazer coisas que não exijam grande concentração é o ideal.

 

A nossa capacidade de relaxar na vida reflete a nossa disposição para confiar em nós mesmos e por consequência nos outros e na vida.

 

 

 

 

Pág. 1/7

Mais sobre mim

Sessões

Numerologia, Tarot, Leitura de Oráculos, Massagem, Resgate e Cura Vibracional, Prática Xamânica, Cura Intuitiva.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

♥♥♥

Facebook

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D